A “periferia” de Moscou

Um pouco afastados do centro da cidade estao dois lugares lindos mas, nao sei por que, pareciam negligenciados pelos turistas, porque nòs eramos os unicos estrangeiros perdidos por ali…

O primeiro é o convento de Novodevichy: fundado em 1524 e reconstruido pela meia-irma de Pedro, o Grande, que o usava como segunda residencia na época que governou a Russia.

 

Aos 17 anos, Pedro resolveu depor a irma e a confinou nesse convento… Uns anos mais tarde, Pedro resolveu enviar sua primeira mulher em exilio para o mesmo lugar…

O convento é de uma paz incrivel, um enorme jardim e cheio de igrejas (obviamente!). Na catedral de Smolensk, pudemos ver uma das mais bonitas (se nao “a” mais bonita) e maiores iconostases russas.

Do lado do convento, fica um dos cemiterios mais famosos de Moscou, onde estao enterrados grandes nomes da historia russa, como Gogol, Chekhov, a segunda mulher de Stalin e Raissa Gorbachova.

 

Mas, sinceramente, eu nao sou a pessoa mais indicada para visitar cemiterios, entao achamos melhor deixar todos esses grandes nomes descansando em paz!

O segundo lugar é o museu-reserva Kolomenskoe. Esse é bem mais longe do centro, periferia mesmo, mas dà pra chegar facinho com o metro.

 

Ao contrario do convento de Novodevichy, que nao tinha ninguem, esse museu-reserva estava lotado!

O lugar nasceu como casa de campo real, mas hoje é um parque muito vivo e muito agradavel, onde é possivel encontrar todo o tipo de gente russa: varias noivas casando nas igrejas que tem por ali, outras tantas noivas tirando fotografia…

  

(se prestar atencao, aquelas pessoinhas pequenas da foto acima estao indo pro casamento… a noiva e o noivo sao os primeiros da fila! Nao entendi direito como funciona a cerimonia…)

…crianças comendo maças recem-colhidas de um bosque, uns malucos nadando pelados num lago, namorados apaixonados nos bancos, um povo fazendo caminhadas, umas mulheres sem noçao de salto alto, gente tocando musica…

Passamos a tarde toda ali, entre igrejas e barraquinhas de cerveja, e nao vimos o tempo passar! A gente sò foi embora mesmo porque comecou a chover…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

11 thoughts on “A “periferia” de Moscou

  • 05/11/2008 at 00:01
    Permalink

    Já sei porque vc viu tanta gente se casando na sua passagem plea Russia… é o tempo ora!? Quem vai querer se casar com tanto frio… dessa forma acho que o povo aproveita os meses de verão, será?
    bjs

    Reply
  • 06/11/2008 at 12:28
    Permalink

    Mi, sabe o que uma pessoa em Sao Petersburgo me disse sobre a quantidade absurda de casamentos? Que os russos sao super supersticiosos e, alem do tempo bom do verao, todos queriam se casar no mes 08 do ano 2008.

    E realmente o dia que mais noiva pela rua foi em 08/08/2008, quando estava em Kazan!

    Bjs

    Reply
  • 14/10/2010 at 02:09
    Permalink

    Vi muitas noivas em setembro em Moscou e Sao Petersburgo. Eles comemoram e tiram fotos às vezes como um cortejo. A explicação que li foi que a comemoração dos casamento sse dá em locais publicos e a cerimonia oficial é de menor importância, somente com parentes mais próximos.

    Reply
    • 14/10/2010 at 14:36
      Permalink

      Oi Eneida
      O que eu mais vi na Russia foram casamentos! Parecia produçao em serie de noivas! 🙂
      Bom para os turistas que a comemoraçao se dà em locais publicos! Adorei ver algumas pelo caminho!
      Bjs

      Reply
  • 09/02/2011 at 00:58
    Permalink

    Quando li seu primeiro post sobre a Rússia, quase engavetei de vez o meu sonho de conhecê-la, resisti, continuei lendo, e, por fim, estar em Moscou em 2013, para comemorar minhas 50 primaveras, não é mais um sonho, virou obsessão. Talvez eu tenha menos transtornos com a comunicação porque estudo o língua russa a mais ou menos 3 anos. Não espero que tudo corra perfeito, os imprevistos, algum tempo depois, valorizam muito nossas conquistas. Adorei sua história, ABRAÇOS.

    Reply
    • 13/02/2011 at 10:05
      Permalink

      Oi Faustino!
      Obrigaa pelo comentario e boa viagem!
      Bjs

      Reply
  • 17/04/2011 at 15:23
    Permalink

    Luisa,
    Foi uma grata surpresa encontrar seus realtos sobre suas inúmeras viagens. Viajar realmente é uma praga, que eu adoro quando pega!!! rsrss
    Estou indo a Moscou semana que vem, e com certeza, vou conchecer essa periferia mágica da cidade!
    Grato,
    Luiz

    Reply
  • 04/05/2012 at 22:15
    Permalink

    Luisa

    Sabes de algum guia em São Petersburgo em português ou espanhol?

    Reply
    • 08/05/2012 at 10:21
      Permalink

      Conheço nao, Simone.
      Eu usei guias em ingles e em italiano.
      Bjs

      Reply
  • 13/02/2014 at 14:18
    Permalink

    Por favor, preciso de ajuda. Vou ficar 15 dias na Rússia… Recomenda quais outros lugares desses tantos que você foi além de Moscou e São Petersburgo? Ou acha melhor conhecer outros países vizinhos e se limitar a esses dois destinos na Rússia?

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *