Famagosta

Famagosta è uma das cidades mais importantes da Republica Turca do Chipre do Norte e pelo menos um passeio de um dia tem que estar incluìdo do roteiro de quem visita o Chipre.

Apesar de ser uma cidade relativamente grande, a parte que interessa ao turista està na cidade velha, dentro dos imponentes muros venezianos, que foram construidos no inicio do seculo XVI e abraçavam toda a cidade. Nao obstante seus 15m de altura por 8m de espessura, esses muros nao impediram a invasao otomana.

Infelizmente nao dà pra percorrer todo o perimetro do muro, mas mesmo ficando parado no mesmo lugar, là de cima dà pra ver a cidade toda e a impressao que se tem è de estar em uma cidade incompleta ou destruida por uma guerra recente, pois os otomanos nao se preocuparam em restaurar o que foi destruido no assedio.

Quer dizer, um monumento foi restaurado e adaptado: a entao chamada Catedral de Sao Nicolau um rico exemplo de arquitetura gotica, construida no final de 1200 inicio de 1300 tendo como modelo a catedral de Reims na França, depois do assedio otomano foi transformada na mesquita de Lala Mustafa Pasha.

No lugar das torres que foram destruidas, os otomanos acrescentaram um minarete, eliminaram as tumbas do chao, eliminaram os vitras e qualquer outra caracteristica do culto cristao, pintaram todo o interior de branco e colocaram o mihrab e o minbar para as oraçoes muçulmanas.

O curioso è que, a igreja, è claro, nao foi construida virada para Meca, entao o mihrab se localiza nao onde antigamente ficava o altar cristao, mas em uma das paredes laterais, e ficou uma coisa meio torta. È muito estranho, (e talvez pra mim mais estranho ainda, pois moro na Italia e estou cercada de igrejas por todos os lados) ver uma fachada tipicamente de igreja gotica, com um minarete que nao combina com nada e um alto-falante no topo com o muezzin que chama para a oraçao. E mais estranho ainda è entrar numa mesquita com um interior tipico de uma igreja gotica.

(Nota: sem me meter em assuntos religiosos, mas pensando simplesmente no lado artistico: ainda bem que a igreja era gotica e, por isso, seu interior nao possuia decoraçoes particularmente elaboradas. Imagino o estrago artistico se fosse uma igreja barroca ou uma das igrejas bizantinas afrescadas do Monte Troodos).

Em Famagosta tb è possivel visitar a chamada Torre de Otelo. Uma torre construida ao sul da cidade pelos venezianos no seculo XII a fim de proteger o porto da cidade. Recebe o nome de Torre de Otelo pq acreditam que Shakespeare, na sua tragedia Otelo, ao se referir ao “porto maritimo de Chipre”, se referia proprio a Famagosta e, diz a lenda, que foi ali que Desdemona foi morta.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

8 thoughts on “Famagosta

  • 22/01/2010 at 15:31
    Permalink

    fico feliz de ter te “inspirado” a ir para essa longínqua ilhota do Mediterraneo! 😉 foi só p o Chipre nessa viagem ou fez outro destino também? bjo!

    Reply
    • 27/01/2010 at 16:48
      Permalink

      Oi Tete,
      Me inspirou mesmo! Lendo os seus posts fiquei super curiosa para ver o Chipre.
      Fomos sò ao Chipre, pois, por circunstancias alheias à nossa vontade, o nosso final de ano acabou se transformando em miseros 6 dias de folga e nao deu pra ir muito longe.
      Bjs

      Reply
  • 22/01/2010 at 23:21
    Permalink

    Lindissimas fotos..
    A Igreja/Mesquita é maravilhosa.. se super destaca na paisagem..
    =)

    Reply
    • 27/01/2010 at 16:55
      Permalink

      Obrigada, Martinha!
      Essa igreja/mesquita chama muito a atençao mesmo!
      Bjs

      Reply
  • 24/01/2010 at 23:58
    Permalink

    É uma igreja(ou mesquita) um tanto particular. Realmente, olhando as primeiras fotos, a impressão que dá é que a igreja está sem teto, aberta ao tempo. Podiam ter restaurado as torres né?
    😯

    Reply
    • 27/01/2010 at 16:58
      Permalink

      Oi Carol
      A cidade toda è meio assim, aberta ao tempo. 🙂
      Bjs

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *