Gruta Azul em Capri

Aproveitamos um lindissimo final de semana de sol em outubro para finalmente taparmos um buraco do meu curriculum e conhecermos um dos lugares mais turisticos da Italia: a Grotta Azzurra em Capri.

DSC06030

Nao era a nossa primeira vez em Capri, mas eu nunca consegui pegar as condiçoes climaticas ideais para visitar a tal gruta. Convenhamos, a Gruta Azul recebe esse nome porque è uma gruta e por causa da luz que entra e deixa a agua do mar um azul muito intenso. Acredito que ir atè là quando o dia nao tà muito luminoso, deva diminuir um pouco a intensidade do azul da agua.

DSC06033

O “empecilho” dessa vez nao era o clima, mas uma companheira de viagem de nem 2 anos. Fiquei meio apreensiva, pois nao sabia como a herdeira reagiria ao passeio, mas resolvemos arriscar, com algumas precauçoes.

A primeira providencia foi procurar alguem que fizesse o passeio sò com a gente, pois caso a herdeira tivesse um chilique e fosse impossivel segura-la tranquila dentro do barco, poderiamos cancelar tudo e voltar pra terra firme sem precisar incomodar mais ninguem.

DSC06036

A viagem atè a gruta foi bem rapida, durou uma meia hora mais ou menos, e a herdeira rindo e amando a experiencia: vento no rosto, peixinho pulando na agua, aves voando… tudo era novidade!

Quando chegamos, tivemos que esperar na “fila” para trocarmos de barco e entrarmos na gruta. A fila è aquela coisa à italiana:, entra primeiro quem grita mais alto, eles dao preferencia aos grupos de japoneses e russos que deixam uma gorjeta maior e voce, que nao se encaixa em nenhuma dessas categorias, fica esperando.

DSC06040

Naquele dia, a herdeira estava realmente num dos seus melhores dias, excitadissima com toda aquela gente dentro de barquinhos, que sumiam dentro de um “buraquinho na parede”. Meno male, pois foi mais de uma hora de espera, atè que aparecesse uma alma para nos levar pra dentro da gruta.

DSC06047

Antes de entrar, temos que passar no caixa para pagar o passeio, em dinheiro; aì todo mundo abaixa a cabeça e voilà! Tudo escuro e um azul de quase cegar de tao forte. Um minutinho de pausa pro moço do barquinho tirar a foto da familia com todo aquele azul e mais 4 minutinhos pra fazer o giro pela gruta antes de sairmos.

DSC06043

Exatamente, ninguem fica ali dentro por mais de 5 minutos, è impossivel tirar fotos decentes do lugar, pois a luz que entra è suficiente apenas pra iluminar a agua, o barco nao para e principalmente: ou voce tenta tirar foto, ou voce aprecia a paisagem. Nao sobra muito tempo para fazer as duas coisas.

E’ muita funçao e muito dinheiro pra pouco tempo de passeio, mas que a gruta è linda, ah isso è! E eu enfrentaria tudo de novo, feliz da vida, sò pra ver os olhinhos deslumbrados da minha pequena que nao parava de repetir: “entra buraco, tudo escuro, agua azulzinha!”

DSC06049

Atè hoje ela nao pode ver um barquinho desenhado que jà se lembra do “buraco escuro, agua azulzinha”.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *