Hotel Nacional

Nossa primeira acomodaçao em Cuba foi o historico Hotel Nacional em Havana.

Fiquei meio insegura na hora de reserva-lo, pois como eu disse no post anterior, encontrei 3 sites diversos que pareciam “oficiais”.

Lendo sobre o hotel, descobri que ele faz parte da rede estatal Gran Caribe, entao a duvida era se fazer a reserva no site www.hotelnacionaldecuba.com , que parecia administrado pela rede, ou diretamente no site da Gran Caribe . Arriscamos o primeiro site e deu certo.

O Hotel Nacional, mais do que um hotel, è um monumento nacional, daqueles de cartao postal de Cuba e um lugar com muita historia pra contar. Foi cenario do golpe de estado de Batista em 1933,  e em 1946 gangsters americanos como Lucky Luciano organizaram ali a famosa Conferencia de Havana, um super “congresso” da mafia americana realizado sob a cobertura de um show de Frank Sinatra.

Existem tambem varias fotos pelo hotel que contam um pouco sobre a visita de seus hospedes ilustres, de Winston Churchill a Ernest Hemingway, e atè o Lula.

O lobby do hotel è lindo, tem aquele charme meio decadente que, pra mim, tem tudo a ver com Cuba, mas nao consegui tirar nenhuma foto, pois estava sempre lotado de gente.

No hotel tem tambem um cabaret, o Parisien, que nao cheguei a ir, sò dei uma espiada pela porta e me pareceu muito kitsch, se eu nao estivesse tao cansada da viagem, provavelmente entraria para ver um espetaculo.

O nosso quarto era bem espaçoso e limpo, o banheiro tinha um chuveiro muito bom, mas achei tudo meio cansado, precisando de um tratamento de rejuvenescimento.

Gostei muito de me hospedar por là, pq o hotel faz parte da historia de Cuba e tem cara de hotel cubano parado no tempo, mas se esse hotel ficasse em qq outro lugar do mundo, eu nao iria.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 thoughts on “Hotel Nacional

  • 24/01/2011 at 14:00
    Permalink

    Ou seja, é mesmo uma questão de contexto… e o que num local é um “must be”, noutro seria “no way”.

    Como em outros artigos que tão bem expôs e apresentou, Cuba tem um encanto especial e as expectativas que se criam são adequadas ao local que se visita. Por certo o que tanto se admira e aprecia em cuba por fazer parte do seu próprio património cultural e histórico, num outro qualquer local da Europa, sobretudo ocidental por exemplo, deixaria de ser encarado como encantador, mas como um tanto decrépito.

    Tal como nos seus posts anteriores, adorei ficar a conhecer mais esta visão acerca de Cuba.

    P.S.: como moradora italiana de Milão, tenho a comentar consigo que acabei hoje de reservar os hoteis para a nossa viagem ao “seu país” na altura do Carnaval (3 noites em Veneza, 1 em Bolonha e 2 em Verona)

    Reply
    • 26/01/2011 at 12:42
      Permalink

      Coisa boa ir pra Veneza no Carnaval!!!
      Aproveita muito!
      Boa viagem!
      Bjs

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *