Kiev: introduçao

Acho que a melhor palavra pra definir Kiev è “estupor”, que de acordo com o dicionario quer dizer “imobilidade subita diante de algo que nao se espera, grande surpresa, espanto, assombro”.

Foi exatamente essa a minha primeira reaçao ao colocar os pès na capital da Ucrania, eu nao estava esperando encontrar uma cidade tao bonita e tao cheia de personalidade! Foi amor à primeira vista, fui seduzida logo de cara!

Em Kiev tudo è monumental das amplas praças às igrejas com cupolas douradas e tudo beira o kitsch de tao colorido.

Parece que o lema da Ucrania è: “Se as cores existem, elas devem ser usadas sem parcimonia!” E nao me refiro sò à arquitetura da cidade, nao… Os ucrainos tambem nao economizam no colorido das roupas e da maquiagem (sempre muito carregada).

Uma pena que pegamos dias cinzentos e com um pouco de chuva, pois Kiev, num dia ensolarado, deve ser ainda mais colorida e deslumbrante.

Ficamos 2 dias na cidade; o primeiro dia foi dedicado a desbravar o centro da cidade e no dia seguinte fomos visitar as duas atraçoes mais famosas de Kiev: Pecherska Lavra e o museu Chernobyl.

Pra quem gosta de caminhar bastante, como è o nosso caso, esses dois dias foram suficientes para visitarmos tudo aquilo que nos propusemos a visitar, sem correrias. Quem tem um ritmo mais slow ou pretende fazer um tour a Chernobyl, convem acrescentar um dia a mais.

Caminhar pelas ruas do centro de Kiev è a coisa mais deliciosa do mundo! Parece que a cidade te convida para um passeio pelas suas ruas. Kiev atè tem linhas de metro, mas eu achei que seria um sacrilègio atravessar a cidade sem poder admirà-la!

Nòs usamos muito “taxi” em Kiev e os preços foram bem camaradas, por volta dos 5 – 6 euros a corrida. A corrida mais cara que pagamos foi de 10 euros. 

Uma curiosidade: Kiev è o nome da cidade em russo; em ucraino ela se chama Kyiv.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

14 thoughts on “Kiev: introduçao

    • 07/04/2010 at 17:49
      Permalink

      Oi Lu,
      È muito linda mesmo! Merece um lugar de honra na listinha! 😉
      Bjs

      Reply
  • 06/04/2010 at 23:29
    Permalink

    Luisa

    Agora fiquei surpreendida… 😉 Ucrânia?? Pensava que vc não era muito de cidades do norte…
    Eu já tinha pensado programar uma viagem para lá,possivelmente combinada com um regresso á Polónia…desde que estive em Varsóvia e nas outras cidades polacas fiquei fã dos povos desses lado da Europa! Agora depois de ler o seu post fiquei com mais vontade ainda…
    Como é que foi para lá? De avião directo de Itália?

    Bjs

    Reply
    • 07/04/2010 at 17:53
      Permalink

      Oi Margarida
      Eu gosto bastantes das cidades do norte, o unico problema è que elas sao muito frias e chuvosas, entao acabo sempre adiando a viagem…
      Um “combinado” Polonia-Ucrania è bem recomendado! Tem muita gente que entra via terra na Ucrania por L’viv a partir de Cracovia, dizem que è super facil…
      Eu fui de Milao pra Kiev com a Lot, com direito a uma escala nao muito agradavel em Varsovia (que aeroporto chatinho!).
      Tenho certeza de que vc vai gostar do pais! Nao deixe de ir!
      Bjs

      Reply
  • 07/04/2010 at 00:43
    Permalink

    Luisa, que surpresa boa esse seu post! Kiev parece ser mesmo uma cidade muito linda! Sem contar que esse lado da Europa já me atrai tanto… Adorei!

    Beijos!

    Reply
    • 07/04/2010 at 17:57
      Permalink

      Oi Camila
      Eu era sò uma curiosa, sem grandes pretensoes, mas depois que fui pra Russia, me apaixonei por toda essa cultura do leste europeu.
      Fico imaginando vc, que jà tem uma queda por esse lado do mundo, como nao vai se sentir diante de tanto lugar monumental!
      Bjs

      Reply
  • 09/04/2010 at 01:57
    Permalink

    Olá muito interessante sua visita a Ucrania, estou fazendo uma pesquisa sobre este desconhecido país e gostaria de saber da sua opiniao, qual a visao geral do lugar antes e depois de conhecer? E acredita que existe esteriotipos???

    Muito obrigada!!!

    Reply
    • 12/04/2010 at 09:22
      Permalink

      Oi Carlota
      Achei que a Ucrania è “mais” do que eu esperava, em todos os aspectos, para o bem e para o mal.
      Antes de ir a Ucrania, eu fiz a liçao de casa direitinho, estudei um pouco sobre o lugar e sua cultura e sabia que iria encontrar igrejas fantasticas, mas nao imaginava que todo o resto da cidade fosse tao bonito. Eu sabia que a comida ali è muito gordurosa, mas nao imaginava que seria gordurosa a ponto de me fazer passar mal. Sabia que as pessoas andam pelas ruas muito arrumadas, mas nao imaginava ver salto agulha altissimo e maquiagem forte inclusive em policiais.
      Acho que è isso.
      Bjs

      Reply
  • 24/05/2010 at 21:00
    Permalink

    Menina, que sonho encontrar este post aqui! Sempre quis ir à Kiév, principalmente depois do vôo direto Dubai-Kiév pela low cost air arabia!

    Fiquei feliz de saber que vc a taxou de “monumental”, mesmo já tendo ido à Rússia. Quando estive em Moscou o primeiro adjetivo que me veio a cabeça foi este e pensei que jamais conheceria lago na europa oriental que a superasse neste quesito. Bom saber! 😉

    Vou ler todos os capítulos desta doce novelinha! 🙂

    Bjs

    Reply
    • 27/05/2010 at 11:33
      Permalink

      Oi Fe
      Demorou! Se tem voo low cost, aproveita! Kiev è uma delicia! (A comida um pouco menos…)
      Moscou è imbativel no quesito “monumental”, mas Kiev nao fica muito atras nao!
      Bjs

      Reply
  • 03/02/2016 at 13:21
    Permalink

    Faltou postar sobre a Andrivsky Spusk, a estatua Motherland e a Verkhovna Rada. Poderia também visitar os Cárpatos, a Crimeia, a cidade de Odessa e Kharkiv, o castelo de Kamianets Podilskyi e os incríveis parques de Kiev, como o Parque Feofania.

    Reply
    • 04/02/2016 at 12:03
      Permalink

      Falta tanta coisa na minha vida de turista, Leonardo…
      Mas um dia eu chego là! 😉
      Bjs

      Reply
      • 24/02/2016 at 20:32
        Permalink

        Здравствуйте Luisa. Mas já consegui bastante até agora, haha. Слава Богу і Україньський Культури!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

        Reply
        • 24/02/2016 at 20:33
          Permalink

          Eu quis dizer conseguiu, é que escrevi rápido, kkkk.

          Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *