Novgorod

Novgorod foi mais uma cidade russa que sò entrou no nosso roteiro (leia-se: que eu sò descobri que existia) graças ao site da Unesco. Como a cidade nao fica tao longe de Sao Petersburgo, (“somente” 3 horas de estrada), alugamos um carro e arriscamos um bate-e-volta meio puxado.

Embora eu ache que Novgorod, turisticamente, nao valha o esforço de dirigir por 6 horas em um unico dia, gostei bastante de ter visitado a cidade onde, de certo modo, teve inicio a historia da Russia, pois Novgorod foi o primeiro lugar onde os varegues (da familia dos vikings) se estabeleceram, dando origem, segundo o guia, ao embriao do estado russo.

A cidade, no seculo XII, era a mais importante do centro da Russia e acabou sofrendo muitos ataques. Sò nao foi invadida pelos tartaros porque eles nao conseguiram superar as paludes que a circundavam, mas nao resistiu ao ataque de Moscou em 1477, nem ao massacre de 60 mil pessoas e saqueamentos feitos por Ivan, o Terrivel. Quando Pedro, o Grande, criou Sao Petersburgo, todas as possibilidades de Novgorod renascer como um importante centro comercial foram por agua abaixo.

Hoje, Novgorod é uma tranquila cidade do interior, com ruas arborizadas, um monte de igrejas antigas e um Kremlin cheio de historia, pois é um dos mais antigos de toda a Russia.

O que tem de mais interessante no Kremlin é a Catedral de Santa Sofia, uma igreja em estilo bizantino, do ano de 1052, bem sobria e com as famosas cupolas em forma de cebola (provavelmente do século XIV), as primeiras a serem feitas nesse estilo arquitetonico, que acabaram por se tornar uma caracteristica do panorama russo.

Dentro dessa Catedral, o tesouro mais precioso é o icone da santa padroeira de Novgorod, que, diz a lenda salvou a cidade da destruiçao em 1170. A historia é mais ou menos assim: na noite anterior ao ataque do exercito de Suzdal, o bispo de Novgorod teve uma visao que somente o icone de uma santa poderia salvar a cidade. Na manha seguinte, ele colocou o icone da igreja em uma das torres do Kremlin e, quando Suzdal atacou a cidade, o icone foi atingido por uma flecha. Na hora, os olhos da santa se encheram de lagrimas, o dia virou noite e os soldados de Suzdal começaram a lutar entre si, permitindo o contra-ataque do exercito de Novgorod. Pra confirmar a lenda, o icone da santa possui um sinal no olho esquerdo que, dizem, foi feito pela flecha…

Além da Catedral, no Kremlin tem um campanario que oferece um vista bem bonita da cidade e o monumento do Milenio da Russia, inaugurado em 1862, em comemoraçao, como o nome sugere, aos mil anos de historia russa.

Apesar do Kremlin ser a parte mais importante da cidade, eu gostei mais da outra parte da cidade, chamada de Corte de Yaroslav, onde se localizava o antigo mercado de Novgorod, com os restos de um portico e um jardim lindo cheio de igrejas construidas entre os séculos XIII e XVI.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 thoughts on “Novgorod

  • 04/11/2008 at 23:55
    Permalink

    Eu achei a cidade bonita, pelo menos suas fotos me deixaram com vontade de conhecer… mas bate-e-volta de 3 horas é cansativo!
    bjs

    Reply
  • 06/11/2008 at 12:23
    Permalink

    Oi Mi

    A cidade é bem bonitinha mesmo, mas acho que sò vale a pena se tiver de passagem por ali… Enfrentar 3 horas pra visita-la, na minha opiniao, nao vale a pena!

    Bjs

    Reply
  • 23/11/2009 at 12:37
    Permalink

    Bem,

    Eu conheço essa cidade através do livro “sob o céu de novgorod”;

    eu amei os escritos e descrições sobre a mesma, mas essas fotos e a legenda que você escreveu esta mara!!!!

    Reply
    • 23/11/2009 at 22:58
      Permalink

      Oi Analice
      Obrigada! Mas… me conta mais desse livro! Nao conhecia!
      Bjs

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *