Palacio de Augustusburg

Como já mencionei uma vez, todo ano o marido vai a Dusseldorf a trabalho e, invariavelmente, eu acabo indo tb para encontra-lo no final de semana. Com a época da viagem se aproximando, me lembrei do primeira (tragica) vez que fui para a Alemanha encontra-lo. Era final de novembro, fazia um frio danado e tanto Dusseldorf quanto Colonia já estavam com o mercadinho de Natal montado e vendendo litros e litros de gluwein.

Bruhl6

Como nem Colonia e nem Dusseldorf é uma novidade para o marido, ele sempre inventa um tour pelas redondezas para ocupar o nosso final de semana. Daquela primeira vez, o tour escolhido foi o Palacio de Augustusburg localizado na cidade de Bruhl, a 20km de Colonia.

Bruhl5

O Palacio de Augustusburg foi  a casa do arcebispo de Colonia, que mandou construir o palacio em 1725, sobre as ruinas de um castelo medieval e acabou se tornando uma obra-prima do rococo e, como toda obra-prima que se preze, era tambem um dos mais belos palacios da época em toda a Alemanha.

E isso é tudo que eu sei sobre esse palacio. As informacoes que estavam escritas num folhetinho em ingles, daqueles distribuidos em hoteis. Frustrante, né?

bruhl7

Ocorre que nao existe a possibilidade de visitar o palacio por conta propria, com um folheto explicativo ou com um daqueles audio-guia; todo mundo deve necessariamente acompanhar uma visita guiada. O problema é que as visitas guiadas em ingles sao limitadissimas, quase inexistentes, e nao tinha nenhuma disponivel no dia em que fomos. Se quisesse ver o interior do palacio, o jeito era me contentar com a visita em alemao mesmo.

Mas é horrivel estar no meio de um grupo de umas 25 pessoas que riem de piadas em alemao que eu nao entendia, que ficavam impressionados com detalhes da arquitetura apontados pelo guia, que eu, é claro, nao reconhecia e que, muito provavelmente, ficaram sabendo como era a vida naquele palacio naquela época, coisa que eu nem imagino como poderia ser.

Bruhl2

E me dava mais raiva ainda pq o Palacio de Augustusburg é muito particular, possui uma decoracao pesadissima e colorida, e acho que foi um dos palacios mais bregas que já visitei! E por isso mesmo estava curiosa para entender o estilo do lugar… Mas que nada!

Pensei com os meus botoes: vou tentar memorizar tudo da melhor maneira possivel, já que fotografias no interior do Palacio sao proibidas, e depois pesquiso na internet, com certeza esse lugar tem um site oficial! Estamos na Alemanha, ora bolas!

Bruhl3

Sim, o Palacio de Augustusburg tem um site super bom! Inteiro em alemao! Só me serviu para copiar as fotos do interior do palacio para poder ilustrar o post…

E pra piorar, foi só sair do Palacio que comecou a chover muito. Nao deu nem pra visitar o jardim barroco e fiquei sem ver um dos mais autenticos exemplos de jardim europeu do seculo XVIII…

bruhl4

Da proxima vez quando for encontrar o marido na Alemanha, estou pensando seriamente em retornar a Bruhl… mas dessa vez vou me garantir e levar as paginas da Wikipedia impressas!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

12 thoughts on “Palacio de Augustusburg

  • 27/10/2009 at 19:05
    Permalink

    Luisa, muito legal o post e o palácio é bem bonito.
    Uma dica para ler sites em alemão (ou qualquer outras língua desconhecida) é usar o Google Translator. Você pode copiar textos e mandar traduzir ou ainda mandar traduzir o site todo.

    Reply
    • 04/11/2009 at 22:10
      Permalink

      Oi Alessandro,
      Obrigada pela dica!
      Vou testar com uns sites bulgaros! 🙂
      Bjs

      Reply
  • 27/10/2009 at 21:11
    Permalink

    Luisa, dificuldade com idiomas é muito complicado mesmo. Senti isso em alguns lugares na China. Mas, vale sempre comprar um guia em alguma língua que a gente domine para não perder os detalhes.
    Você tem feito ótimas viagens ultimamente.
    Bj
    Claudia

    Reply
    • 04/11/2009 at 22:12
      Permalink

      Oi Claudia,
      Eu acho que o pior de tudo é ter dificuldades com o idioma num lugar onde vc nao espera ter dificuldades com o idioma! 🙂
      Eu sabia que teria problemas na Russia e fui preparadissima e na Alemanha, onde eu achava que teria tudo bonitinho em ingles, como sempre, me ferrei! Faz parte! 🙂
      Bjs

      Reply
  • 27/10/2009 at 22:51
    Permalink

    Adoro palácios…esse já foi pra listinha…mesmo que a visita tenha que ser em alemão ! 🙂
    É por isso que eu gosto de Inglaterra…tem montanhas de palácios ,muitos ainda pertencem ás próprias familias ( dá para ter uma ideia de como eles ainda vivem…), e as visitas guiadas são todas numa lingua bem fácil…hehe

    Bjs

    Reply
    • 04/11/2009 at 22:15
      Permalink

      Oi Margarida,
      Ai a Inglaterra… Outro lugar que deixo sempre pra depois… Tenho sempre a impressao de que vai estar frio e chovendo! Puro preconceito!
      E nao só as visitas guiadas sao numa lingua bem facil como tb todos os sites de hoteis, restaurantes, pontos turisticos! Mais facil que a Inglaterra só mesmo o Brasil e Portugal! 😉
      Bjs

      Reply
  • 28/10/2009 at 15:32
    Permalink

    Olá Luisa,

    Nos últimos meses nós, do portal linguístico bab.la (http://pt.bab.la/), temos trabalhado em dois novos produtos lançados recentemente. Queremos compartilhá-los com você, que escreve sobre viagens.

    Nosso Guia de Sobrevivência está disponível para download gratuito (http://pt.bab.la/viagens/guia-de-sobrevivencia/ ) e contém as palavras e frases mais importantes e necessárias quando se viaja ao exterior. Ele está disponível em 14 idiomas diferentes. Com todas as combinações possíveis de línguas, no total são mais de 500 arquivos em PDF.

    O Guia de Frases (http://pt.bab.la/frases/) foi desenvolvido com base na sugestão de usuários, que pediram um recurso útil para a escrita em língua estrangeira. Ele contém centenas de frases úteis para inscrições, uso acadêmico, empresarial e pessoal. O Guia de Frases é uma ótima fonte de inspiração quando se precisa de uma frase introdutória para dissertação, carta motivacional ou para formular um e-mail comercial.

    Por fim, por favor envie-me os seus comentários ou perguntas sobre qualquer um dos produtos. Será um prazer receber a sua opinião.

    Atenciosamente,
    Priscila Andrade

    Reply
    • 04/11/2009 at 22:16
      Permalink

      Oi Priscila
      Obrigada pela dica! Vou conferir os links que vc colocou!
      Bjs

      Reply
  • 01/11/2009 at 06:50
    Permalink

    Lindas fotos, mas deve dar um trabalhão para aquecer tudo isso no inverno. 🙂

    Reply
    • 04/11/2009 at 22:17
      Permalink

      Oi Allan,
      Agora que vc mencionou… Realmente tava frio lá dentro! 🙂
      Bjs

      Reply
  • 02/11/2009 at 20:36
    Permalink

    Luisa,

    Acho que nem em inglês a gente consegue entender direito o que faz uma pessoa a ter um gosto (decorativo) assim tão estravagante 🙄

    O pior é que tantos detalhes em conjunto formam um belo local, no mínimo impressionante. Pena que vocês não puderam conhecer os jardim… devem ser lindos.

    Beijos

    Reply
    • 04/11/2009 at 22:27
      Permalink

      Oi Carol,
      “Extravagante” é gentileza sua! O lugar é brega mesmo! Muito brega! E por isso mesmo impressiona!
      Os jardins vao ficar para uma proxima vez… Quem sabe volto na primavera? (Bem que eu queria!)
      Bjs

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *