Porto Cervo

Meu namorado foi convidado – com direito a acompanhante –  para passar uma semanita num dos lugares mais exclusivos (senão “o” mais exclusivo) de toda a Italia: Porto Cervo na Costa Smeralda (Sardegna).

Só mesmo com um convite (leia-se “tudo pago”) para se visitar um lugar desses, pois Porto Cervo é a cidade de veraneio dos ricos, famosos e bem nascidos de todo o mundo e, um lugar onde, depois da banca de jornal, a loja mais mixuruca que existe por lá é a Louis Vuitton. Ah, detalhe importante: nas vitrines, somente coisas de inverno da nova coleção, (se voce esqueceu de levar biquini, já era, não é ali que vc vai encontrar um!). Ninguém quer saber de coisas da coleção passada, embora eu ache estranhissimo ver o povo comprando casacos sob um sol de 30 graus em plena cidade de praia.

Bom… cidade de praia é só um modo de dizer. Embora Porto Cervo seja uma cidade onde as pessoas vão para o mar, ali não tem praia. Quer dizer, tem umazinha, pequena, perto do porto mas onde o banho é proibido, seja de mar ou de sol.

Na Costa Smeralda, praia mesmo é uma coisa meio rara… Eu só vi umas duas praias públicas apinhadas de gente e uma farofada que dava medo. O resto da Costa é formado por rochas e algumas praias privadas, que nem pagando daria para frequenta-las. Funciona assim: ou se é hospede de um hotel ou se é amigo do dono ou necas de praia privada!

Mas, sinceramente, mesmo as praias privadas não são grandes coisas. O forte da Costa Smeralda é a incrivel cor verde do mar e é por isso que o porto de Porto Cervo é repleto de iates (que mais parecem navios da Costa Crociere). Pra visitar o mar cor de esmeralda que dá nome à Costa, só mesmo de barco! Não tem outro jeito!

Mas pelo menos, pagando, isso é fácil de resolver. Quem não é o feliz proprietário de um iate, pode alugar um, com marinheiro e tudo, bem ali na Marina Sarda, basta desembolsar alguns muitos euros e curtir aquele mar como se deve…

Antes de ir a Porto Cervo, eu sabia que estava indo para um lugar chic, mas também sabia que é um lugar com mar, embora sem praia… Na minha inocência, imaginei que as pessoas usassem havaianas e roupas confortáveis… de grife, é claro, mas sempre havaianas e roupas confortáveis… Que nada! A mulherada desfila de salto alto, modelitos exclusivos que eu usaria em dia de festa, muuuuuuitas joias e muita maquiagem.

A realidade é que se você não tiver dinheiro suficiente para bancar um hotel, um iate e tomar umas geladas sem se preocupar com o preço, só vai perder tempo em Porto Cervo! A cidade até que é bonitinha, mas não tem praia, não dá pra ver o mar esmeralda, não tem nenhuma loja acessível a pobres mortais (nem loja de souvenir!), e em 15 minutos você já rodou 3 vezes por tudo. Porto Cervo definitivamente não é um lugar “democrático”.

Aliás, uma das coisas que mais me impressionou em Porto Cervo foi a diferença social e econômica entre as pessoas que passeavam pela cidade.

Por lá, são facilmente identificáveis dois tipos de gente: o tipo que faz compra e o tipo que tira fotografia de tudo. Os que fazem compra são aqueles de salto alto, que carregam sacolas de joalherias e se refrescam nos bares com cervejas que custam 12 euros cada uma. Os que tiram fotografia estão de bermuda e chinelo, tomando sorvete e fazendo fila para serem fotografados ao lado de uma Ferrari.

O triste é que dá pra sentir que o objetivo dos dois tipos de gente é o mesmo: quem tem dinheiro precisa frequentar o “circuito chic” das férias de verão e quem não tem dinheiro precisa falar que foi pra Costa Smeralda no verão e que frequentou o “circuito chic” (mesmo que só tenha tirado fotografia e tomado sorvete por uma tarde). Ou seja, tive a clara sensação de que quem vai pra Porto Cervo, seja qual for a classe social, não pensa em se divertir mas sim em “se aparecer”.

 

As minhas impressões? Bom, eu estava meio perdida… tomava cerveja de 12 euros usando havaianas e passeava de iate, morrendo de vontade de tirar foto de tudo (tive que me conter, para nao fazer feio com os anfitrioes… O “tudo pago” tem seu preço…).

No final das contas, adorei poder nadar num mar cuja cor eu nunca vi igual, mas detestei a necessidade de “ser visto” que existe por ali. O mar é lindo, mas a Costa Smeralda não é um lugar pra mim.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

28 thoughts on “Porto Cervo

  • 27/07/2008 at 22:46
    Permalink

    Luisa

    Sabe que eu já pensei em fazer uns dias de praia na Sardegna por mais do que uma vez?Acontece que depois acabo por ir para Maiorca que também tem um mar de uma cor incrível e uns preços mais “democráticos”!!Não tinha ideia era de que na realidade as praias da Sardegna eram tão pouco acessíveis…é só em Porto Cervo ou também no resto da Ilha?
    Pena que não conseguiu tirar fotos dos modelitos das donas dos iates e Ferraris…hehe…mas as outras que tirou ficaram bem bonitas…

    Bjs

    Reply
  • 28/07/2008 at 16:35
    Permalink

    É, Luisa… Viva as praias brasileiras! Salto alto e maquiagem no litoral também é demais pra minha cabeça!

    Reply
  • 28/07/2008 at 18:30
    Permalink

    Luisa,

    Adorei esse post e sua sinceridade, parece que estava falando com uma amiga ao ler, muito estranho e bom essa sensação.

    Fico feliz que teve a oportunidade de conhecer esse lugar tão lindo 😆

    Beijinhos
    Patsy

    Reply
  • 29/07/2008 at 20:51
    Permalink

    Oi Luisa,

    Adorei o blog!
    Queria uma opinião: eu e minha família estavamos pensando em ir à Italia em janeiro.
    Li o post sobre sua viagem à Costa Alm. no inverno, mas gostaria de saber sua opinião sobre a Itália em geral. Vc acha que é uma boa época ou é melhor esperar um pouco?
    Será q o frio vai limitar muito a nossa viagem?
    Obrigada,
    Abç!

    Reply
  • 30/07/2008 at 00:01
    Permalink

    Margarida,

    Eu não passei pelas outras praias da Sardegna, mas os italianos que eu conheço, costumam dizer que o resto da Sardegna é muito mais acessível, mas que o mar não é tão bonito quanto o mar da Costa Smeralda… Sinceramente, não tenho muita curiosidade de conhecer o resto do litoral sardo… Praia européia não me entusiasma muito…

    Uma coisa que eu gostei de conhecer na Sardegna foram os nuraghi… Um dia eu faço um post a respeito!

    Bjs

    Reply
  • 30/07/2008 at 00:02
    Permalink

    Constance, eu me junto ao coro: “Viva as praias brasileiras!”

    Bjs

    Reply
  • 30/07/2008 at 00:04
    Permalink

    Oi, Patsy

    Que bom que vc gostou! Quando eu escrevi o post, fiquei com medo de parecer uma metidinha que vai pra lugar chic e ainda fica falando mal (ainda que eu seja uma metidinha que vai pra lugar chic e fica falando mal… 🙂 )

    Bjs

    Reply
  • 30/07/2008 at 00:08
    Permalink

    Olá, Ana

    Fico feliz que vc gostou do blog! Obrigada!

    Bom, eu acho que a Itália tem seu charme em todas as estações do ano, vai depender do que vc está procurando… Mas… se é a sua primeira vez na Itália, eu acho que o frio vai limitar bastante os passeios.

    Os dias são bem mais curtos, vc não tem vontade de ficar passeando pelas ruas, tá tudo muito vazio, chove… Para uma primeira vez, eu esperaria a primavera!

    Espero ter ajudado.

    Bjs

    Reply
  • 30/07/2008 at 13:33
    Permalink

    Adorei seu post, Luisa! É ótimo ver as impressões de outros brasileiros sobre esses lugares tão diferentes de nós. Vendo somente as fotos poderíamos nos enganar. 😉

    Beijos!

    Reply
  • 30/07/2008 at 15:44
    Permalink

    Não é bem a primeira vez na Itália, já conheço Milão e Veneza. Mas seria a primeira vez em Roma, em Florença etc… E a primeira vez para minha irmã tbém.
    Acho q vou passar a viagem p março, mesmo morrendo de vontade de ir logo!
    Obrigada e abçs!

    Reply
  • 30/07/2008 at 23:04
    Permalink

    Luisa

    Tem razão!Para quem vem do Brasil com aquelas praias fantásticas,praia aqui na Europa não deve ter graça mesmo!
    Mas a verdade é que há lindas praias também aqui na Europa,o problema é que as mais bonitas estão nos países frios e por isso são pouco conhecidas!!As praias na Bretanha por exemplo têm uma cor de mar inesquecível,grandes areais e paisagens de cortar a respiração…Como eu não me dou bem com o calor conheço a maior parte das prainhas gélidas deste continente..hehe…parece impossível mas já estive em praias no norte da Holanda,na Irlanda,no País de Gales e na costa norte de França,etc e ainda não conheço nada do Sul de França,nem da Grécia,nem das praias Italianas,nem sequer das do sul de Espanha!E ao Algarve aqui em Portugal já não vou aí há uns 5
    anos…

    Bjs
    PS: fico á espera do post sobre os nuraghi,que não faço ideia o que seja..

    Reply
  • 01/08/2008 at 00:52
    Permalink

    Luisa, mudança de planos!

    Resolvemos ir em janeiro mesmo. Resolvemos não adiar os planos e queria sua opinião: estava pensando em seguir o roteiro do Riq (VnV) para a aluna da Carla (o básico da Itália: http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/04/22/italia-pra-aluna-da-carla/ ), mas ao invés de Cinque Terre, que me parece ser mais aproveitável no verão, pensei ou em um cidade legal na Toscana ou Dolomitas. O que vc acha? Tem alguma sugestão?
    Vc já fez um post sobre Dolomitas, não? Só não consegui achar…

    Abç

    Reply
  • 04/08/2008 at 02:36
    Permalink

    Luisa,

    Como a gente não se sente bem em lugares assim né? É um desconforto saber que tudo e todos estão voltados apenas pro dinheiro quando o que mais importa são as coisinhas simples da vida… Eu sou muito mais das havainas… E pelo menos ter admirado esse marzão já deve ter valido a viagem.

    Beijos

    Reply
  • 25/08/2008 at 23:49
    Permalink

    Olá Camila,

    É por isso que eu adoro blogs e não consigo mais planejar uma viagem sem consultar vários!

    Bjs

    Reply
  • 25/08/2008 at 23:50
    Permalink

    Oi Ana,

    Depois vem me contar como foi a viagem e, se precisar de qq pitaco nos preparativos, estamos aí!

    Bjs

    Reply
  • 25/08/2008 at 23:53
    Permalink

    Margarida, só vc mesmo para frequentar essas praias geladas! Vc dá conta de entrar no mar? Eu não consigo nem molhar os pés… 😳

    Bjs

    Reply
  • 26/08/2008 at 00:01
    Permalink

    Oi Ana

    Eu estive em Bolzano no inverno, mas foi na época do Natal, quando a cidade tá toda enfeitada, com mercadinhos… Depois do dia 06 de janeiro os enfeites vão embora juntamente com os turistas e eu não sei te dizer como fica a região.

    A Toscana é linda em qualquer época do ano, mas acho que as cidadezinhas, normalmente charmosas quando faz calor, vão estar meio tristes no frio, mas nada que retire o charme da região…

    Toscana tem mais cara de Italia, Dolomitas tem mais cara de inverno… São lugares muito diferentes, fica dificil escolher um… Vai depender muito do que vc está interessada em ver na Italia…

    Bjs

    Reply
  • 26/08/2008 at 00:09
    Permalink

    Oi Carol

    Eu também sou do tipo havaianas, mas de vez em quando um salto faz bem! Não na praia, é claro! 🙂

    Bjs

    Reply
  • 09/09/2008 at 17:20
    Permalink

    Nossaaaa, o que definir de seu blog?
    kkkkkkkkkkk
    Tudooooooooooooooo…. adorei esta viagem…

    Att

    Reply
  • 12/09/2008 at 11:59
    Permalink

    Olá Soraya

    Fico feliz que vc tenha gostado! Seja bem-vinda ao blog!

    Bjs

    Reply
  • 24/10/2008 at 12:05
    Permalink

    Margarida,

    Com relação a Sardegna, estive lá agora em setembro, passei 50 dias. As prais são maravilhosas. Fiquei em Alghero, meu namorado é de lá e existem praias maravilhosas. Stintino que fica próximo de Alguero é maravilhosa e acessível. Acho que vale a pena conhecer sim.

    Bjs

    Reply
  • Pingback: St Moritz e arredores « Arquivo de Viagens

  • 21/08/2009 at 21:48
    Permalink

    Olá, sou português e tenho de concordar com vocês, não há praias como no Brasil por isso passo o mês de Novembro sempre no Brasil.
    Conheço a Sardenha e a nível de praias não se compara. Também será impensável um Brasileiro ir para a Sardenha fazer praia. Para um europeu a coisa já será bem diferente a Sardenha é próxima tem um ambiente único de exclusividade que muita gente procura (talvez como Ibiza hà 20 anos atrás) e quem tem iate talvez seja um pouco dificil ir para o Brasil.
    No que diz respeito à democracia o Brasil também tem os seus recantos de exclusividade (ex Trancoso no estado da Bahia).
    Quando se vai para a Sardenha já se deve contar com o que se espera um mar espectacular e uma noite divertidissima.
    No que diz respeito ao uso de havaianas também as há da Gucci, Prada ou Steve Mc Queen.
    Cada sitio para a sua ocasião e de acordo com a disposição
    Obrigado

    Reply
  • 03/09/2009 at 13:59
    Permalink

    Oi Juca

    E cada um na sua praia, nao è mesmo? Porto Cervo è um desbunde de bonita, mas nao è pra mim! 😉

    Bjs

    Reply
  • 15/09/2010 at 05:50
    Permalink

    A Sardenha é maravilhosaaaaaaa!!!!!!
    Porto Cervo é um lugar sofisticado e que nao tem praia desponivel… Maaaaa!!!! Tanti cose da fare ragazzi !!
    Aluga -se um gomone e curta o belo mar do mediterraneo … isso se nao puder alugar um iate.
    Enfim,dá para curtir sim a Costa Esmeralda entre os italianos e td isso com jeitinho brasileiro e ainda mais carioca.
    baciiiiiiii
    R.

    Reply
    • 19/09/2010 at 17:00
      Permalink

      Oi Rosa
      Tb acho a Sardegna maravilhosa e caaaara! 🙂
      Bjs

      Reply
  • 12/09/2014 at 02:03
    Permalink

    Oi Luisa, sei que este post é antigo, porém, continua sendo acessado até hoje por muitos leitores em busca desenfreada de dicas de viagens…. Estava eu em busca de dicas da Toscana, quando me deparei com este post e resolvi dar minha opinião…
    Não sei se nessa época que vc foi a Porto Cervo era diferente, mas o que você disse sobre ausência de praias bonitas com fácil acesso, tanto em Porto Cervo quanto na Costa Esmeralda não é compatível com o que eu vi….
    Realmente Porto Cervo tem apenas a marina, em seu centro…. porém, se vc estiver de carro, tem muitas, mas muitas opções de praias paradisíacas, com águas de cor turquesa de uma beleza surreal…. fui em mais de 10 delas, isso porque fiquei apenas 3 dias!
    Capriccioli e Spiaggia del Principe, na minha opinião, são hours concours! E ficam a poucos quilometros do centro….. tipo 5 km, por ai….
    Além disso, tem o arquipélago de La Madallenna, que possui ilhas paradisíacas…. um pouco mais afastado de Porto Cervo, porém, ainda na costa esmeralda.
    Sinceramente, as praias do Brasil não chegam aos pés destas que conheci, pelo menos no quesito cor do mar…. concordo que a costa brasileira é muito rica…. se falamos de Nordeste, temos uma vegetação lindíssima de coqueiros, e se falamos de litoral norte de SP, a serra do Mar faz um plano de fundo imbatível…. mas aquela cor de mar, nem no Caribe vi igual!!!
    Pena que não posso postar alguma foto por aqui, pq tenho fotos inacreditáveis de praias de Costa Esmeralda…..
    Me desculpe em discordar de vc, no seu blog rsss, mas acho justo os leitores saberem dessa informação antes de optarem por não conhecer este paraíso….
    beijao! Fernanda

    Reply
    • 14/09/2014 at 20:42
      Permalink

      Oi Fernanda
      Na realidade vc nao discordou de mim, nao!
      Eu tambem acho a Sardenha incrivel, principalmente a Costa Esmeralda, mas o que eu quis dizer no post è que praia mesmo, no conceito brasileiro, de pedaço de areia banhada por agua salgada, nao existe em Porto Cervo. Como vc diz, “se vc estiver de carro”, vc chega em lugares maravilhosos e vou alem: se vc estiver de barco, vai ver lugares ainda mais maravilhosos.
      Os ricos que frequentam Porto Cervo conseguem aproveitar a Costa Esmeralda no que ela tem de melhor, jà os pobres mortais, que chegam là de onibus, atraidos pelo nome “Costa Esmeralda” podem se decepcionar pq a pè e/ou de transporte publico nao se tem a mesma experiencia. Foi isso o que eu quis dizer com “praias bonitas de facil acesso”.
      Bjs

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *