Punta Tombo

Eu estava toda contente com a quantidade incrível de animais estranhos que tinha visto em Ushuaia e achava que seria difícil visitar algum lugar com mais bicho ainda! Eu até havia lido que a Península Valdez possui uma fauna muito rica, mas, pra ser sincera, eu não estava muito confiante, não. A maior parte das pessoas que vão pra lá, vão para encontrar as baleias e nós estávamos indo fora da época certa para avistá-las.

Chegamos de noite e o transfer do hotel estava nos esperando. O motorista falava muito, não parou um único minuto de tagarelar e, pior, trabalhava para uma agência e tentava nos vender, a todo custo, os passeios da agência… Nós dizíamos que já tínhamos tudo programado, que iríamos por conta, de carro e ele nos encheu de medo sobre as condições da estrada, mas não nos convenceu a mudar nossos planos.

No dia seguinte, pegamos o nosso carro em Puerto Madryn e seguimos para a famosa “pinguinera” de Punta Tombo. Foi tranquilíssimo! Dos 180km de distância, apenas os ultimos 20km eram estrada de terra e, convém salientar, em muito bom estado de conservação e boa sinalização.

punta-tombo111

Quando eu vi a paisagem da região, uns arbustinhos sem graça e meio secos, pensei logo: “Duvido que algum bicho queira morar num lugar assim…” Na minha imaginação, só lugares com vegetação e água abudantes que podem servir de casa a qualquer ser vivo! E ver pinguins num lugar seco, debaixo de um sol ardido e quase 40ºC me pareceu ainda mais impossível.

Compramos as nossas entradas para o Parque e uma funcionária foi logo dando as regras da visita.  Entre as regras, ela mencionou que se um pinguim resolvesse atravessar o nosso caminho, ele teria toda prioridade e nós deveríamos esperá-lo.

punta-tombo9

Eu já estava achando difícil encontrar algum pinguim naquele lugar quente e seco, imagina se passava pela minha cabeça que eu corria o risco de encontrar um pinguim atravessando o meu caminho! Quanto eu preciso aprender sobre a natureza… Punta Tombo é a casa para mais de meio milhão de pinguins!

punta-tombo10

No início é uma grande supresa encontrar algum desses animais entocados em buracos no chão, cuidando dos filhotes. Mas conforme vamos andando, os pinguins começam a ficar cada vez mais numerosos e rumorosos!  E o mais interessante é que eles caminham livremente pra lá e pra cá e convivem felizes com os turistas, não estão nem aí para as pessoas que os observam.

punta-tombo7

Mas o que eu gostei de ver é que os turistas respeitavam de verdade os pinguins! Apesar de os pinguins estaram tão perto e cruzarem o nosso caminho o tempo todo, ninguem chega perto, ninguem encosta, ninguem dá comida… Só sorrisos e fotografias!

punta-tombo8

Falando em fotografia… Eis mais um lugar que não me dei conta da quantidade absurda de fotos que fiz! Cada pinguim que eu via na frente, eu queria uma foto! Eles caminham de um jeito tão desengonçado que é impossível de resistir!

punta-tombo6

Ah, e mais estranho do que encontrar pinguins numa paisagem quente e árida, é encontrar pinguins dividindo território com animais parecidos com lhamas andinas e ovelhas!  A nossa viagem pela região só estava começando e eu já tinha certeza de que, mesmo sem baleias, a Península Valdez (e Punta Tombo que fica ali perto) seria incrível!

punta-tombo2

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

16 thoughts on “Punta Tombo

  • 27/01/2009 at 22:20
    Permalink

    Muito bom! Pinguins fotogênicos, não?

    Reply
    • 28/01/2009 at 14:33
      Permalink

      Oi CarlaZ,
      Nao sao somente fotogenicos, mas tem alguns que faziam pose pra foto (pelo menos parecia que faziam pose… ) 🙂
      Bjs

      Reply
  • 28/01/2009 at 14:08
    Permalink

    Luisa, eu também nunca imaginaria um pinguim numa paisagem dessas! Muito legal! A natureza sempre nos surpreende, né?

    Reply
    • 28/01/2009 at 14:47
      Permalink

      E como nos surpreende, Camila! E na Patagonia especialmente! A gente ve cada bicho estranho em cada lugar mais estranho ainda! 🙂
      Bjs

      Reply
  • 29/01/2009 at 05:29
    Permalink

    eu amo pinguins deve ser maravilhoso velos pessoalmente………..

    Reply
    • 30/01/2009 at 13:13
      Permalink

      Oi Stefane
      Eles são muito lindos mesmo… Tão desengonçados…
      Bjs

      Reply
  • 30/01/2009 at 00:23
    Permalink

    Os pinguins são uns bichinhos amorosos!E poder andar no meio deles deve ter sido bem engraçado…essa viagem á Patagónia foi de encontro ao seu lado mais naturalista…que nós as “urbanas e frescas” também temos…mas escondidinho… 🙂

    Bjs

    Reply
    • 30/01/2009 at 13:18
      Permalink

      Oi Margarida,
      E põe escondidinho nisso! 🙂 Mas a Patagônia é boa de visitar pq junto com toda aquela natureza, oferece também muita infra-estrutura ao turista.
      Dá pra encarar facil! Passei mais perrengue no Pantanal, pra ser sincera! 🙂
      Bjs

      Reply
  • 30/01/2009 at 15:04
    Permalink

    Ai que fofura… eu quero ir também 🙂

    Reply
    • 04/02/2009 at 20:44
      Permalink

      Oi Mirella,
      Fofura mesmo! Mas só aparência… No meio da trilha, eu me agachei para tirar uma foto e não me dei conta que estava agachada proxima a um ninho (que estava vazio) e um pinguim veio louco me atacar. Ainda bem que foi só sair de perto que ele se acalmou… 🙂
      Bjs

      Reply
  • 31/01/2009 at 21:14
    Permalink

    patagonia é ‘mara’.rsrsrss……………

    Reply
    • 04/02/2009 at 20:53
      Permalink

      Oi Stefane,
      A Patagonia é demais mesmo! Superou todas as minhas expectativas!
      Bjs

      Reply
  • 02/02/2009 at 13:39
    Permalink

    Luisa,

    Tive a oportunidade de conhecer pinguins tão de pertinho assim na Africa do Sul, e eles são irresistíveis mesmo!! Oh bichinho encantador, apesar de desengonçados! Agora, realmente é surpreendente encontrá-los nessa paisagem meio seca…

    Beijos

    Reply
    • 04/02/2009 at 21:09
      Permalink

      Oi Carol,
      Pinguins na Africa do Sul? Esses bichos sobrevivem em cada ambiente! 🙂
      Eu só tinha visto pinguins em zoologico, e todos devidamente congelados…
      Bjs

      Reply
  • 03/02/2009 at 04:19
    Permalink

    Que foooofo! Quem não gosta de pingüins? São pura simpatia 🙂
    Está uma delícia essa tua série, Luisa…a Patagônia está super bem cotada na nossa lista de próximas viagens, se o Marc vir a tua série…ele vai ficar ainda um pouco mais ansioso, hehe…
    Um beijo!

    Reply
    • 04/02/2009 at 21:13
      Permalink

      Emilia, eu acho a Patagônia a tua cara! Se até uma fresca como eu adorou a viagem e curtiu cada pedacinho da natureza, imagino o quanto vc não iria aproveitar com todas aquelas trilhas e animais!
      Tem que ir mesmo!
      Bjs

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *