Rússia – escolha e reserva de hotéis

No inicio, eu achava que organizar os transportes internos fosse a coisa mais difícil de se fazer na Rússia… A primeira vista não parecia, mas reservar hotel consegue ser ainda mais complexo.

Com a Lonely Planet e o Guia Verde Michelin em mãos e também com o auxilio do TripAdvisor, achei que não teria problemas em encontrar hotéis dentro das minhas expectativas de preço e conforto.

Realmente… Encontrar os hotéis foi bem fácil! Difícil foi fazer a reserva, pois ou o site é inteiro em russo, ou só fazem reservas pelo telefone, em russo, é claro! Ou, então, a possibilidade mais frequente: simplesmente te ignoram, seja pelo site, por email ou por telefone…

As minhas primeiras tentativas foram pelo telefone, já que os hotéis que eu havia escolhido não possuem site em inglês. Uma total perda de tempo e de dinheiro, pois as pessoas que me atenderam não conheciam nem os rudimentos mais básicos do inglês.

Desesperei! Das duas, uma: ou eu contrato uma agencia, ou eu aprendo russo! Achei que aprender um pouco do alfabeto russo nao iria me fazer mal, pelo contrario, poderia até ser util quando estivessemos por la… Não custa tentar…

Assim, toda empenhada e com a ajuda do Freetranslation.com, comecei a traduzir as páginas dos hotéis para tentar fazer a reserva on line e, quando era disponível, mandava e-mails solicitando informações.

Eu ainda estou tentando descobrir porque eles colocam endereço de email e aqueles formulários de reserva on line nos sites… a maioria dos hotéis ignorou completamente os meus insistentes pedidos de informação…

Por causa disso, em vez de selecionar os hotéis segundo parâmetros de preço e conforto, mudei meus critérios e comecei a selecionar os hotéis segundo parâmetros “comunicativos”… O que isso significa? Significa que se alguém que não fala russo pretende montar uma viagem a Rússia por conta própria, e se essa viagem inclui algum lugar que não seja Moscou ou S. Petersburg, não adianta ficar perdendo tempo na escolha de hotéis…

O melhor negocio é descobrir qual é o melhor hotel da cidade e ir diretamente nele! Provavelmente esse “melhor” hotel será um três estrelas meia-boca e existe a possibilidade (mesmo que remota) de encontrar alguém que saiba mais do que 5 palavras em inglês…

Ainda assim, mesmo escolhendo os melhores hotéis em cada cidade, tive muitas dificuldades com as reservas e precisei dos conhecimentos da moça que trabalha em casa. Ela é ucraniana, fala russo fluentemente e me ajudou um monte com alguns telefonemas. Graças a ajuda dela descobri sites, emails e telefones de hotéis que não apareciam nas minhas buscas pelo Google, mesmo fazendo a pesquisa com o uso do alfabeto russo. (Já estou quase fluente! 🙂 )

O lugar mais complicado de se fazer reservas em hotéis é no Anel de Ouro. Além das dificuldades já mencionadas, existe ainda a agravante de que é um lugar próximo a Moscou e destino fácil de várias excursões organizadas. Ou seja, comecei a fazer as reservas em fevereiro e vários hotéis já estavam lotados em agosto… O objetivo inicial era montar duas bases, uma em Suzdal e outra em Yaroslavl, mas fomos obrigados a reservar uma noite em cada lugar…

Uma coisa absurda sobre as reservas (pra mim, pelo menos, jà que para os russos parecia uma coisa super normal) é que, quando finalmente alguém responde a um e-mail, a confirmação da reserva vem assim: “Obrigado pela preferência. Sua reserva foi aceita. Atenciosamente.” E mais nada!!

Como eu mandei diversos emails para diversos hotéis em diversas cidades diferentes, toda vez que chegava uma confirmação, tinha que tentar descobrir o que exatamente foi confirmado, pois eles não se dão ao trabalho de colocar nem a data da reserva, nem o preço do quarto, nem o nome do hotel, nem o meu email solicitando a informaçao, nem nada! Nenhuma dica!

Várias vezes tive que “googlar” o email e o nome do fulano que me mandou a confirmação pra tentar descobrir pelo menos em que cidade eu não ficaria sem teto. Teve um hotel, que poucos dias antes da viagem, me manda um email, sem nenhuma identificação, só um nome escrito em russo, perguntando se eu iria mesmo me hospedar ali!

 Ainda bem que sou a organização em pessoa e tenho todos os meus passos anotados, pois, sinceramente, não consigo imaginar um hotel russo me respondendo um email assim: “Obrigada pela confirmação, mas… poderiam por favor me informar quem são vocês?”

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

9 thoughts on “Rússia – escolha e reserva de hotéis

  • 12/08/2008 at 14:59
    Permalink

    Luisa, quanto mais eu leio seus relatos, mais me convenço que minha viagem à Rússia será com uma agência! Realmente é tudo tão complicado quanto eu imaginava. Estou ansiosa para ver o desfecho de tudo isso!

    Beijos!

    Reply
  • 13/08/2008 at 15:59
    Permalink

    Cacilda… vc foi corajosa de organizar essa viagem na unha, hein?!
    Mas estou amando as dicas… queria tanto ter ido… mas agora, acho que vai demorar.
    Beijin pro ce!

    Reply
  • 26/08/2008 at 13:27
    Permalink

    Camila,

    Cheguei a conclusao de que ir à Russia por conta nao è coisa pra principiantes, mas tambèm nao è nenhum bicho de sete cabeças.

    Vc sò precisa ter muito tempo disponivel, pq a comunicaçao precaria toma tempo, ler placas em russo toma tempo, etc… Deve tambem ser muito flexivel e comer qq coisa, pq o menu do restaurante serà em russo e vc nao terà a menor ideia do que vem a ser o prato escolhido, e por ai vai…

    Bjs

    Reply
  • 26/08/2008 at 13:28
    Permalink

    Oi Mirella,

    Uma pena que nao tenha saido desta vez, mas do jeito que vc nao para quieta, tenho certeza de que a Russia vem mais cedo do que vc esta esperando! 🙂

    Bjs

    Reply
  • 29/09/2010 at 20:57
    Permalink

    Estou amando seu blog, estou fazendo um trabalho escolar sobre a rússia e é de informações e curiosidades vivenciadas por brasileiros é o que precisamos!
    bj

    Reply
    • 01/10/2010 at 20:18
      Permalink

      Obrigada, Caterine!
      Boa sorte nos seus estudos!
      Bjs

      Reply
  • 20/10/2013 at 19:18
    Permalink

    Olá, me assustei um pouquinho com o post
    Eu vou para Nizhny Novgorod, sobre o hotel, é confiável reservar por sites como booking?

    Grata!

    Reply
    • 22/10/2013 at 09:15
      Permalink

      Oi Andressa,
      Eu nunca tive problemas com o booking.
      Bjs

      Reply
  • 13/02/2014 at 19:31
    Permalink

    Continua tudo exatamente conforme relatado. Vou a Moscou em junho próximo e mandando um e-mail para um determinado hotel 4 estrelas para reserva de um quarto obtive o seguinte retorno.* Obrigada pela sua escolha.*Vc quer reservar um quarto*???!!! No meu e-mail mandei odia da chegada e saida e perguntava o preço. Com isso tive que mandar outro e-mail pedindo que caso eles n entendesse que colocassem no tradutor. Ai eles n me responderam mais!! Tive que contratar uma guia em Moscou para fazer a reserva porque pela agência de viagem o preço da hospedagem estava muito caro.

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *