Turismo no Brasil

Todo ano eu volto ao Brasil para visitar a familia e aproveito a ocasiao para mostrar orgulhosa o meu pais para o marido italiano. Mas preciso confessar uma coisa: nao è facil!

Euzinha, que sou brasileira e falo portugues, às vezes tenho vontade de jogar tudo pro alto quando começo a organizar uma viagem pro Brasil; imagino o que nao deve sofrer um turista estrangeiro que nao fala portugues, nao quer se limitar ao circuito Rio-Foz do Iguaçu e nao quer entrar em pacotes fechados de agencias de turismo.

Começando com o transporte:  Na parte aerea, em nao bastando os preços altos das passagens, praticamente toda e qualquer viagem de aviao no Brasil passa por Sao Paulo para uma conexao ou escala o que faz com as viagens que jà nao sao curtas, demorem ainda mais.

Acreditem, eu jà fui de Londrina a Brasilia de carro (1200km) pq nao compensava pegar um aviao, seja pelos custos (a passagem custava o equivalente a 300 euros sò a ida), seja pelo tempo (o aviao para em Curitiba e Sao Paulo antes de chegar em Brasilia, perderiamos o dia inteiro em aeroportos)

E para piorar, um estrangeiro nao consegue comprar uma passagem aerea no site da Tam ou da Gol simplesmente pq nao possui um CPF. Sim, eu sei que existe a versao internacional dos sites onde, teoricamente, seria possivel comprar a passagem… Mas nao funciona! Dà erro o tempo todo e nunca consegui comprar uma passagem pelo site com cartao de credito italiano. E nao foi por falta de tentar!

Jà consegui comprar a passagem com cartao de credito internacional pelo telefone… Mas convenhamos, tem que querer muito visitar o Brasil para telefonar, se submeter àquelas musiquinhas antes de ser atendido e ainda por cima pagar o telefonema e uma sobretaxa pq a reserva nao è feita pela internet!

Ainda no quesito transporte… alguem jà teve a curiosidade de ler o que diz a Lonely Planet sobre as normas de circulaçao e os perigos das estradas no Brasil? Alguns trechos, numa traduçao livre, da Lonely Planet italiana:

Dirigir no Brasil è muito perigoso. Todos os anos aproximadamente 35 mil pessoas morrem em acidentes nas estradas e os feridos chegam a 500 mil. (…) O culto da velocidade è insaciavel. Muitos motoristas pensam que sao pilotos de Formula 1 e sao incapazes de se adequar ao ritmo dos outros. A noite muitos motoristas nao param no semaforo vermelho (…) pq existe o risco de serem roubados. (…) Dirigir de noite è particularmente perigoso: existe a possibilidade de encontrar motoristas bebados, as estradas principalmente no Nordeste e nas regioes internas, estao em pessimas condiçoes (…) e para economizar um pouco de gasolina muitos motoristas circulam com a luz apagada ou ao minimo. (…) Outros motivos de preocupaçao para quem dirige no Brasil sao: falta de placas, (…)  ultrapassagens feitas em curvas, pneus furados (…) e, naturalmente, a policia, que para os motoristas sem motivo.

Se vc fosse um estrangeiro, vc alugaria um carro no Brasil depois de ler isso num dos guias mais vendidos do mundo? E o que eu me pergunto è: a Lonely Planet està tao errada assim?

Reservar um hotel tambem exige paciencia e boa vontade. A maior parte dos sites dos hoteis (excluo os hoteis de grandes redes internacionais) sao escritos tao somente em portugues e, para saber a disponibilidade e os preços dos quartos ou para fazer uma reserva è necessario mandar um email para o hotel e esperar a resposta.

Parece que aqueles formularios on line de reservas ainda nao chegaram a uma grande parte da rede hoteleira no Brasil.

Quando chega a resposta do email com os preços dos quartos, vem sempre uma comunicaçao avisando que para garantir a reserva faz-se necessario o deposito de X% do valor da diaria. Isso mesmo: d-e-p-o-s-i-t-o! Nao fazem reservas sem garantias e nao aceitam cartao de credito.

Para quem mora no exterior, fazer um deposito internacional para garantir uma simples diaria de hotel è muita funçao. E’ quase que um pedido: “nao venham para o Brasil!”

E sem contar a questao dos preços. Marido nao consegue entender como um hotel de 150 reais passe a custar 480 reais sò pq è Natal/Ano Novo… Tudo bem que estipulem um aumento para as chamadas altissimas temporadas, mas aumentar em 300% o valor da diaria è demais, nao?

Um investimentozinho em guias turisticos que pelo menos arranhem o ingles tb faz muita falta no Brasil. Por 3 vezes (em Fortaleza, em Bonito e no interior da Bahia) eu fiz passeios onde eu era a unica brasileira do grupo e me vi obrigada a traduzir as informaçoes do guia.

O duro era ter que ouvir os agradecimentos dos outros turistas pela minha boa vontade, acompanhados de um “que absurdo que o passeio seja sò em portugues para um grupo composto unicamente de estrangeiros”.

Mas esse post è sò um desabafo de alguem que mais uma vez està organizando uma viagem para o Brasil e mais uma vez passa pelos mesmos problemas. O Brasil è maravilhoso, mas tem que querer muito para nao desistir da viagem durante a organizaçao!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

43 thoughts on “Turismo no Brasil

  • 09/05/2011 at 14:48
    Permalink

    São estes desabafos e a descrição dos problemas e das formas de os ultrapassar, que tornam este blog um verdadeiro must. Faz com que quando nos deparamos com os problemas não nos sintamos sozinhos e estejamos melhor preparados para os vencer.

    Muito Obrigada mesmo, por estes seus artigos, sem desvalorizar os outros (em que descreve as suas descobertas durante os maravilhosos passeios que faz) que são igualmente demais.

    Reply
    • 11/05/2011 at 12:39
      Permalink

      Oi turista ocasional
      Eu è que agradeço as suas visitas e os seus comentarios sempre gentis!
      Obrigada!
      Bjs

      Reply
  • 09/05/2011 at 15:22
    Permalink

    Olá Luisa, tudo bem?
    Não esquenta não. Você só vem de vez em quando a nossa santa terrinha, relaxa!Conforme-se conosco viajantes, que desejamos ou precisamos sempre retornar.
    Bjs

    Reply
    • 11/05/2011 at 12:43
      Permalink

      Oi Celia
      E’ o jeito, nè? Se eu quiser continuar visitando o Brasil tenho que “relaxar e gozar” como diria a ministra do Turismo…
      Bjs

      Reply
  • 09/05/2011 at 18:21
    Permalink

    Concordo com você e viajo muito a trabalho no Brasil e também para o exterior, o que me dá a noção exata da precariedade do turismo por aqui. Em férias eu e meu marido preferimos ir para o exterior porque é bem mais barato do que uma semana em um bom hotel no nordeste, por exemplo. Sem contar a falta de estrutura e opções de aéreos. Acabei de reservar hóteis, aéreo e trem para uma viagem de trabalho na Itália sem o menor problema e estou reservando também a trabalho apenas uma passagem de avião para o Nordeste que está custando metade do valor que gastarei 10 dias na Itália.

    Reply
    • 11/05/2011 at 12:50
      Permalink

      Oi nidia
      As vezes tenho a impressao de que no Brasil realmente eles exploram o turista em vez de explorar o turismo…
      Se fosse caro, mas pelo menos tivesse um pouco de infra-estrutura, acho que eu nao reclamaria tanto.
      Bjs

      Reply
    • 11/05/2011 at 12:53
      Permalink

      Oi Gabe
      E’ dificil de entender, mas eu fico triste de ver que mais pessoas concordam…
      Eu bem que gostaria de ler que estou errada e que desde quando fui morar fora o Brasil melhorou, minha Lonely Planet està desatualizada, as estradas estao otimas… Mas pelo jeito…
      Bjs

      Reply
  • 09/05/2011 at 21:25
    Permalink

    Muito bom este post, colocou em palavras tudo aquilo que sentimos ao tentar fazer uma viagem no Brasil! Acho desesperador ter que enviar um e-mail para saber o preço da diária, geralmente já desisto do hotel aí mesmo…

    Reply
    • 11/05/2011 at 12:55
      Permalink

      Oi Carolmay
      A minha vontade è desistir do hotel tb… Mas dai começo a pesquisar e vejo que nao tem nada melhor no mercado e que nao existe nenhum outro hotel que coloque a diaria no site… Nao dà pra escapar! Dai vem a minha vontade de desistir da viagem inteira.
      Bjs

      Reply
    • 11/05/2011 at 12:56
      Permalink

      Oi Jose Luiz
      O Brasil è mesmo lindo, mas sò os mais persistentes conseguirao comprovar isso!
      Bjs

      Reply
  • 10/05/2011 at 07:16
    Permalink

    Adorei o post!! É por estas e por outras que eu nunca mais volto para o Brasil. Pra que? Desculpe a franqueza, mas depois de estar vivendo em um país tao correto, com sistema de saúde, escolas e estradas perfeitos, o Brasil nunca vai “crescer”. Tem tanto potencial, mas infelizmente nunca vai para frente!!
    Já passei muitos sustos nas estradas brasileiras e andando na Autobahn aqui, vc nao acredita a diferença.
    Mandar e-mail para saber o preço da diária? Aqui nao existe isso.
    Nao tenho orgulho nenhum de ser brasileira, nem meu marido e filhos!!!
    Boa sorte para quem se aventurar no Brasil!!
    Beijos e uma ótima semana.

    Reply
    • 11/05/2011 at 13:04
      Permalink

      Oi Angela
      E’ realmente triste ver tanto potencial subaproveitado…
      Eu nao tenho vontade de voltar a morar no Brasil, mas gosto muito de fazer turismo pelo pais, apesar dos pesares…
      Bjs

      Reply
  • 10/05/2011 at 14:14
    Permalink

    Luisa, concordo até nas virgulas (2)…

    Eu estava querendo muito imaginar que agora, com a Copa e Olimpíadas, teríamos a oportunidade de virar a mesa, realmente nos inspirarmos nos casos da Espanha – Barcelona, Bilbao, enfim… mas agora dá é um sentimento de incredulidade total e vergonha, pois todos esses problemas aí vão continuar, ou serão feitos remendos que não gerarão quase que nenhuma herança ao país – fora os estádios gigantes e subutilizados.

    A leitura do Lonely Planet é super adequada. Ando com muita, MUITA falta de vontade pra viajar pelo Brasil, com preços estratosféricos ou logística complicada. Vem aí o Feriado de Corpus Christi e não sei que caos enfrento: mais longe, o aéreo; ou os engarrafamentos de horas para sair da cidade de carro.

    De qualquer forma, no final meu lado “Poliana” me dá uma energizada e penso que a esperança e a indignação não devem diminuir, deve haver uma luz no fim do tunel!

    Bjos e parabéns pelo desabafo!

    Reply
    • 11/05/2011 at 13:09
      Permalink

      Oi Adri
      Eu nao sei como estao os preparativos aì para a Copa ou para as Olimpiadas, mas nao me lembro de ter lido nada de muito animador.
      Nao sei se sao as noticias que mostram sò as coisas ruins, pq vende mais, ou se a situaçao tà feia mesmo.
      Pego como parametro a cidade onde moro. Em Milao acontecerà a EXPO 2015 e a cidade virou um canteiro de obras: para onde quer que vc và, tem alguma coisa sendo feita, e mesmo assim os jornais dizem que estamos atrasados e que nao vai dar tempo… Vai saber…
      Bjs

      Reply
  • 11/05/2011 at 01:58
    Permalink

    Oi Luisa Viajar pelo nosso país é dificil, para nós talvez seja mais fácil , pois estamos em casa, estou acostumada a sair por aí de carro, parando onde dá na telha e muitas vezes sem reserva de hotel. Não sabia que tinha tantas dificuldades para visitar sua terra natal, mas não desista , venha sempre e aproveite, nosso povo é acolhedor e amavél, embora sofrido pela má administração. Fico triste em saber que existem brasileiros que não desejam voltar , nem para visita. Com todos os problemas, amo meu país e não conseguiria viver longe daqui. Bjos.

    Reply
    • 11/05/2011 at 13:23
      Permalink

      Oi Cleyde
      Para quem mora no Brasil, a dificuldade maior sao os preços e o transporte, mas para um estrangeiro, somados a esses problemas vc ainda tem que acrescentar a dificuldade da lingua, a dificuldade de se fazer reservas em hoteis (um gringo nao atravessa o oceano sem saber onde vai dormir num pais estranho, que nao fala a lingua dele), o cartao de credito que nao è aceito…
      Definitivamente o Brasil nao esta preparado para receber turistas estrageiros!
      Bjs

      Reply
      • 15/05/2011 at 04:30
        Permalink

        É Luisa, mas não sei porque a minha cidade vive lotada de estrangeiros, principalmente em alta temporada, fica até chato sair para dar uma volta na praia e para comer, é tanta gente diferente trombando na gente, acho que olho do ponto de vista do morador, as vezes incomoda um pouco, existem alguns turistas estrangeiros mal educados, não são todos , é claro.Imagine se estívessemos preparados e a coisa fosse boa. Bjos.

        Reply
        • 16/05/2011 at 10:30
          Permalink

          Oi Cleyde
          Eu nao reclamo dos turistas que entopem Milao! Pelo contrario, adoro e estou sempre disposta a ajudar turistas perdidos…
          Principalmente pq eu vivo bancando a turista na cidade dos outros…
          Eu sò reclamo quando o turista è mal educado (nao paga metro, fica se encostando em museus, tira fotos onde nao pode, joga lixo no caminho…) ou quando o turismo è quase “depredatorio”, por causa de grupos enormes, por exemplo.
          Bjs

          Reply
  • 11/05/2011 at 04:18
    Permalink

    Luisa,
    eu e minha esposa voltamos há 2 semanas de um passeio pela Itália e teu blog foi um dos consultados para a organização de nossa viagem. Agradecemos por isto!
    O passeio foi muito bom, exceção a algumas grosserias de alguns italianos que, acredito, não representam a natureza deste povo. Visitamos Veneza, Florença e outras cidades da Toscana (Siena, Lucca, Cortona) e Roma. Fizemos reservas de trem, museus e ópera em Roma daqui mesmo sem nenhuma dificuldade e sem nenhum erro.
    Quanto ao assunto do post, realmente estamos muito atrasados em relação à Europa quanto a condições de aeroportos e estradas, segurança pública, eficiência nos serviços e facilidades aos turistas. Sem falar nos preços: o Brasil está caro demais!!!
    E o mais trágico: não se vê um movimento efetivo dos responsáveis para reverter a situação e temo que venhamos a passar vergonha perante o mundo na Copa de 2014 e na Olimpíada de 2016 pela falta de infraestrutura e logística!
    Parece que estamos fadados a ser o eterno país do futuro…
    Grato, abs.

    Reply
    • 11/05/2011 at 13:26
      Permalink

      Oi Joao
      Italiano nao è facil nao! Mas quando vc aprende a lidar com eles, eles sao super simpaticos.
      A primeira vez que vim visitar a Italia, eu jurei nunca mais voltar de tanta grosseria! 🙂
      Bjs

      Reply
  • 12/05/2011 at 02:59
    Permalink

    Luisa, seu post foi perfeito! Eu viajo muito pouco pelo Brasil, porque nós mesmos somos afetados por boa parte desses problemas que você listou. É lamentável, mas, enquanto as coisas continuam assim, tenho preferido ir pro exterior. Porque férias são pra descansar, não pra estressar!

    Reply
    • 12/05/2011 at 11:13
      Permalink

      Oi Wanessa
      E’ lamentavel mesmo, e sabe o que eu acho pior? E’ que companhia aerea e hotel poderiam ganhar muito mais dinheiro se simplesmente aceitassem cartao de credito internacional, disponibilizassem os preços e fizessem reservas on line. Nao dà nem pra botar a culpa no governo nesse caso…
      Bjs

      Reply
  • 12/05/2011 at 05:55
    Permalink

    É bem por isto que eu quando venho o BR (como agora) nem me animo a conhecer meu país. É feio admitir que conheço bem mais do mundo que meu próprio país, mas quem tem animo de passar por tudo que vc citou? Eu faço o mínimo, sofro pra comprar o trecho interno de SP até SC porque NUNCA aceitam meu cartão emitido na Alemanha (uso o da minha mãe pra não me estressar mais) e visito só a família. Férias? Faço em outros lugares, mundo afora. E se alguém me pergunta sobre turismo aqui e tal, já vou logo dizendo: é bonito sim, mas existem mil lugares mais lindos, e bem mais tranquilos pra vc ir, eu não recomendo. Simples assim.
    Brasileiro desistiu de tentar reagir? Eu desisti de ter orgulho de ser brasileira. Sou alemã e só viro brazuca na época da Copa. Oportunista assim. 😉 heheh
    Ótimo post! Parabéns.

    Reply
    • 12/05/2011 at 11:22
      Permalink

      Oi Carina
      Eu estava pensando… acho que se nao fosse brasileira, jà teria montado um “pacotao Brasil Maravilhoso”, e ficaria um mes viajando por todo o pais pra nao precisar voltar mais… Mais ou menos como faço com paises dificeis como Cuba, por exemplo.
      Bjs

      Reply
  • Pingback: Rato de Biblioteca » Blog Archive » Semana do Rato

  • 19/05/2011 at 14:21
    Permalink

    Luisa, um amigo meu britânico acabou de fazer isso. Mas não conseguiu fazer tudo a que se propôs em seus planos: o Brasil está caro. Ele reclamou bastante dos preços de comida e estadia, mesmo em locais longe dos grandes centros.

    Já eu relevo tudo, tudinho, menos o despreparo dos sites das companhias aéreas. Acho o fim da picada empresas como TAM, Gol, em matéria de website em inglês, serem tão ruins.
    Será que até 2014 eles conseguem melhorar um pouco? 🙁

    Reply
    • 19/05/2011 at 17:34
      Permalink

      Oi Lucia
      Eu acho que sou menos tolerante que vc, pq o despreparo de sites de hoteis tb me tiram do serio!
      Quanto a 2014… è esperar pra ver… A esperança è a ultima que morre, nè?
      Bjs

      Reply
  • 31/05/2011 at 17:09
    Permalink

    é triste… eu simplesmente não viajo pelo Brasil (apesar de morar aqui). Vou até as praias que posso alcançar com meu carro (apesar dos perigos) e só. Durante um período até me aventurei pelo norte e nordeste (sou do sul), conheci alguns lugares lindos. mas é tão absuradamente caro e tão precário que desisti. queria levar meus filhos conhcer seu país, mas como? tenho 4 filhos, apenas milionários conseguem viajar pelo Brasil com uma troupe desta. Um dia no Beach Park (Fortaleza) é mais caro que o alguel de uma casa POR UMA SEMANA nos EUA. Uma semana de aluguel em Barcelona é o equivalente a UM DIA de uma casa em Florianópolis no verão… e por aí vai.
    triste…

    Reply
  • 03/06/2011 at 21:31
    Permalink

    Pertinho de Salvador, Bahia, tem a Praia do Forte… o lugar é paradisíaco… simplesmente MARAVILHOSO!!!
    Fiquei hospedada no Hotel Porto da Lua… http://www.portodalua.com.br/
    Em frente ao hotel tem piscinas naturais, algo inexplicável!!!
    Recomendo a todos!!!

    Reply
  • 23/06/2011 at 21:33
    Permalink

    Oi Luísa,

    Muito legal o seu blog, passeei quase que literalmente por ele, com as suas fotos sugestões, ‘acho’ que até senti o cheiro do ossobuco. Obrigada, viajo em julho para a Itália pela primeira vez e um pouco com medo da ‘ falta de educação’ de alguns italianos, e também preocupada com a repercussão do caso Battisti.

    Fico triste com seu desabafo, sei que é a realidade, um dia isso muda e eu ainda veremos. Mas eu fiz a opção por conhecer o Brasil antes de viajar pelo mundo (um pouco, pelo menos). Imagino que há outros lugares maravilhosos e com mais facilidade de deslocamento, povo mais culto, educado, mas quis viajar pelo meu país e não me arrependi.

    Pena que o Brasil tenha se tornado um país muito caro nos últimos anos, mas há lugares lindos e que valem a pena conhecer, o que me entristece é que seja tão mal cuidado e o turista idem. Mas não culpo somente o governo, nós somos responsáveis também. Nossos empresários e a nossa elite é tão responsável quanto nossos governantes pelas nossas mazelas.

    PS – Muito legal essa sua disponibilidade em ajudar os turistas, faz acreditarmos que ainda se pode tornar o mundo um lugar melhor para viver.

    Reply
  • 30/06/2011 at 16:29
    Permalink

    Luisa, lá no VnV há um post bem interessante sobre o turismo no Brasil.

    http://www.viajenaviagem.com/2011/03/quando-o-brasil-vai-ser-um-bric-do-turismo/

    Lá, como cá, a maioria das pessoas que comentaram tem uma visão pessimista sobre o futuro turístico do Brasil. Um americano publicou um comentário bem interessante, dizendo que é muito chato ter que fazer um depósito para reservar um quarto num lugar que nunca viu e que isso de só divulgar as tarifas por e-mail dá a impressão de que o preço depende de quem quer saber (para cobrar mais caros de estrangeiros, por exemplo).

    O Brasil tem uma infra-estrutura péssima, é caro (além do Custo Brasil, ou seja, impostos etc., ainda há o Lucro Brasil, isto é, as margens de lucro altíssimas), é um destino complicado de planejar, inseguro e com uma logística de transportes sofrível. Sou absolutamente descrente de que as Olimpíadas e a Copa vão fazer com o Brasil algo sequer parecido com o que houve em Barcelona.

    Concordo até com as vírgulas desse post.

    Reply
    • 18/07/2011 at 11:01
      Permalink

      Oi PeEsse
      Esqueci de comentar no post, um hotel em Recife mandou preços diferenciados pra mim e pro meu marido.
      Eu mandei um email .com.br escrito em portugues e o marido mandou um email italiano escrito em ingles…
      Triste, nè?
      Bjs

      Reply
  • 13/07/2011 at 17:41
    Permalink

    Galera sou uma pessoa que viaja muitooooooooooo
    Tinha os mesmos problemas que vcs com hoteis, um amigo me indicou uma agência de viagens on line que é babadooo!
    chama ZARPO http://bit.ly/jzbclK (ótimos preços) eu fiquei impressionada nào que seja de graça mas é muito mais barato do que tudo que ja vi,isso sem contar a praticidade para comprar tudo pelo site e o melhor de tudo sabe oque é?? funcionaa!!
    reservei o Cana Brava Resort- Ilheus B.A pro final de samana que vem com meu marido sabe por quanto??$257,00 a diaria + cafe da manhà.
    quem puder de uma olhadinha e boa viagen!!
    Luisa PARABENS pelo BLOG é muitooo BOM!!!

    Reply
  • 05/09/2011 at 16:22
    Permalink

    Ciao Luisa! Dando uma passada básica aqui no seu blog para umas “dicas” de turismo europeu perto da Itália, li esse post acima. Realmente é muito difícil fazer turismo no Brasil…Sou casada com um italiano também, e ele só reclamava quando viajamos pelo Brasil (ainda reclama da estrutura de alguns lugares, buracos, etc). A sorte das viagens (noronha, porto de galinhas, lençóis, RJ, MG, SP, Maragogi, Lençóis Maranhenses, Delta das Américas e JEri, por enquanto, rrsrsrs) foi meu marido ter encontrado uma agência de um italiano que mora no Brasil. Ele organiza tudo como um europeu, sem explorar, na língua e no estilo deles. Como sempre roubo as tuas dicas tá na hora de deixar uma para viajar bem no Brasil. Resolvemos sempre tudo on line mesmo: o site é http://www.brasilplanet.com.br. Espero que tenha ajudado. Baci! Clau
    Ps: para mudar esse quadro, precisamos mudar 1º a cabeça das pessoas!

    Reply
    • 25/09/2011 at 12:15
      Permalink

      OI Claudia
      O meu problema è que meu marido, quando viaja pelo Brasil, nao quer nada do jeito europeu. Ele quer vivenciar o Brasil atraves dos olhos de uma brasileira, com jeito brasileiro, e deixa toda a organizaçao nas minhas costas. O duro è constatar que nem um brasileiro que vive no exterior consegue organizar uma viagem para o Brasil por conta propria…
      Bjs

      Reply
  • 13/11/2011 at 17:56
    Permalink

    Sao poucos os lugares no Brasil que conseguem satifazer, tudo ao mesmo tempo, as exigências dos brasileiros quando ao comforto e a segurança, e o desejos dos gringos de conhecer as raizes da nossa cultura e de vivenciar encontros íntimos com o nosso rico partrimônio ambiental. Praia do Forte, na Bahia, é um desses lugares. Vale a pena conferir ….

    Reply
  • Pingback: Meus 7 Links | Arquivo de Viagens

  • 09/08/2012 at 00:02
    Permalink

    Oi Luísa
    Descobri hoje o seu blog e já fiquei fã.
    Tal como vc eu também adoro viajar . Vim pesquisar sobre Oberarmmergau pois estive lá em 2000 e como uns amigos vão para lá agora ( e eu fico aqui com uma vontade enorme de ir tb ) e acabei te descobrindo. Com tempo vou ler todos os posts mas posso já dizer que li sobre a Alemanha que e um país onde sempre tenho vontade de voltar.
    Parabens pelo blog e boas viagens.
    Um abraço desde Almada – Portugal

    Reply
    • 08/01/2013 at 11:51
      Permalink

      Obrigada, Maria!
      Bjs

      Reply
  • 18/03/2013 at 15:10
    Permalink

    Olá somos uma família que viaja de carro e adora conhecer e mostrar o Brasil.
    Montamos nosso site com a intenção de divulgar as diversas culturas…

    http://verdejava.com.br

    Abraços a todos!

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *