Um giro pelo centro de Kiev

No caminho do aeroporto atè o hotel, observando a cidade pela janela do carro, eu tive certeza de que eu gostaria de desbravar Kiev a pè.

Eu nao sei qual è a magica em Kiev, mas, apesar do transito caotico tipico de uma cidade grande e da chuvinha fina e insistente, mesmo assim as ruas, as praças, o colorido das casas, o vai-e-vem de gente, tudo parecia nos convidar para um passeio ao ar livre.

Deixamos as malas no hotel e, seguindo pela rua Volodymyrska,  jà a poucas quadras de caminhada jà demos de cara com a Opera Shevchenko, um teatro suntuoso dedicato ao poeta nacional e escritor simbolo da Ucrania: Taras Shevchenko.

Eu nunca tinha sequer ouvido falar desse poeta, mas segundo o guia, Shevchenko deu “dignidade literaria à lingua ucraina” ao juntar expressoes e dialetos coloquiais com a eloquencia da lingua da igreja eslava. De qq modo, esse nome vai ser uma constante em Kiev: Shevchenko està sempre presente em monumentos, estatuas ou nomes de ruas…

Um pouco mais adiante da Opera, està a chamada Porta de Ouro, ou Zoloti Vorota, uma das portas de ingresso da fortificaçao de Kiev na època do reinado de Yaroslav, que tb fazia as vezes de igreja; mas que hj esta fechada para restauro.

Algumas quadras mais adiante, na mesma rua Volodymyrska, chegamos, na minha opiniao, na parte mais bonita do centro de Kiev: a praça Sofiyska com a incrivel catedral de Santa Sofia e, bem na frente, uma rua ampla e curta com o Mosteiro de Sao Miguel na extremidade oposta.

Santa Sofia è a igreja mais velha “sobrevivente” de Kiev. O principe Yaroslav mandou construir essa igreja em 1037  para comemorar sua vitoria contra umas tribos nomades do leste.

Essa catedral è majestosa, com 13 cupolas, um interior completamente afrescado e cheio de mosaicos e um campanario barroco do seculo XVIII, tao bonito quanto o resto do lugar.

Como todo lugar bonito que se preze, tem que pagar pra entrar e o bilhete para a igreja è vendido separadamente do bilhete para o campanario. Vale a pena comprar tudo: a vista que se tem do Mosteiro de Sao Miguel do alto do campanario è fantastica!!

Da Catedral de Santa Sofia o proximo destino sò pode ser o Mosteiro de Sao Miguel. Aquelas cupolas douradas me atraiam como insetos sao atraidos pela luz.

Como era de se esperar pelo brilho exagerado das cupolas, o Mosteiro de Sao Miguel è uma reconstruçao fiel e recente (2001) da igreja original de 1108, que foi destruida pelos sovieticos em 1937.

Quando entramos na igreja, os monges estavam rezando uma missa e a igreja estava bem cheia. Ficamos um bom tempo observando os rituais, maravilhados e sem entender nada, e acabamos atè esquecendo de visitar o museu que fica ali dentro do Mosteiro.

Atras desse mosteiro tem uma funivia que leva atè as margens do rio Dnipro e um parque, que nòs nao chegamos a visitar por causa da chuvinha chata que nao queria ir embora.

Continuamos a caminhar pela rua Hrushevskoho atè o estadio do time de futebol de Kiev, o Dynamo. Viajar com o marido tem dessas… ainda bem que ele nao se animou para entrar no estadio e se acontentou em ver sò o portao de ingresso e a lojinha…

Dali seguimos pela via Shovkovychna, pela via Lyuteranska e via Bankova atè chegar na “Casa Branca” ucraina, passando por varias casas, mais ou menos, anonimas, mas com uma arquitetura no minimo particular, como a casa das Quimeras.

E terminamos a nossa visita na Maydan Nezalezhnosti (ou Praça Independencia), um dos lugares mais populares da cidade e onde acontecem todas as manifestaçoes politicas desde a famosa Revoluçao Laranja em 2004.

A rua que passa bem na frente dessa praça, a Khreshchatyk, è uma das principais de Kiev e, durante a Segunda Guerra, os predios foram “recheados” de explosivos como armadilha para os soldados alemaes.

Nao è preciso dizer que tudo foi aos ares e o estilo dos predios reconstruidos dessa rua foge do estilo do resto da cidade e apresenta uma arquitetura, segundo o guia, num “imponente estilo stalinista”.

Nesse nosso tour, deixamos de fora uma importante rua turistica, a Andriyivsky, para que pudessemos percorre-la com calma no dia seguinte, a caminho do museu Chernobyl.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

11 thoughts on “Um giro pelo centro de Kiev

  • 07/04/2010 at 20:03
    Permalink

    Luisa, não conhecia a Ucrânia e não sabia que Kiev era tão bonita assim! Estou adorando os seus posts.

    O único Shevchenko que eu conhecia era o astro da seleção de futebol deles, que provavelmente ganhou esse nome em homenagem ao poeta. Vivendo e aprendendo!

    Abraços!

    Reply
    • 12/04/2010 at 09:15
      Permalink

      Oi Alessandro,
      Eu tb sò conhecia o astro de futebol… 🙂
      Bjs

      Reply
  • 11/04/2010 at 18:11
    Permalink

    Adorei seu relato!
    Esto planejando ir a Kiev daqui a uns meses, e sempre que falo que vou pra Ucrania as pessoas me olham como se eu fosse uma louca! 🙂
    Bom saber que nao sou a unica!

    Essas igrejas sa maravilhosas de lindas!

    Bjs
    Dri

    Reply
    • 12/04/2010 at 09:29
      Permalink

      Oi Dri!
      Nossa! Vc tb vai a Kiev!! Que maximo!
      Super recomendo, a cidade è maravilhosa! Vc vai amar!
      Bjs
      PS – Sofro do mesmo mal! 🙂 Mas louco è quem fica em casa, nao è mesmo?

      Reply
  • 12/04/2010 at 12:03
    Permalink

    Pois eh, e eu ainda sofro do mal de querer conhecer os lugares que ninguem quer ir! (e pelos vistos vc sofre do mesmo mal! Quanto mais “diferente” melhor!)

    Reply
    • 14/04/2010 at 09:26
      Permalink

      Oi Dri,
      Eu tenho pena da minha mae, coitada…
      Ela ainda se assusta quando digo para onde estou indo e nao se conforma pq eu nao vou so pra Paris e Veneza como todo mundo! 🙂
      Bjs

      Reply
  • 14/03/2011 at 08:12
    Permalink

    Olá, Luisa
    em janeiro de 2012, tou planejando conhecer moscou, sao petersburgo, kiev, varsovia e cracovia, finalizando em paris, vc pode me ajudar? penso em ir de aviao ate moscou, e os demais trechos podem ser feitos de trem, é mais seguro ir de aviao, me diga algumas dicas.
    grata

    Reply
    • 21/03/2011 at 12:56
      Permalink

      Oi Claudia
      A dica que eu te dou è repensar a data da tua viagem.
      Janeiro na Russia è inverno feio!
      Bjs

      Reply
  • 28/01/2012 at 03:49
    Permalink

    oi tudo bem no final de setembro eu estive em varias cidades da Ucrania visitei as igrejas santa sofia sao miguel e outras tudo muito lindo.

    Reply
  • 29/09/2014 at 14:52
    Permalink

    Oi, adorei encontrar teu post, pq eh raro ter algo sobre o paIs
    Estou indo para a Ucrania no inicio de novembro…
    Tu sabe como ir do aeroporto de Kiev para o centro, com o transporte publico?

    Muito obrigada

    Reply
    • 30/09/2014 at 13:36
      Permalink

      Oi Viviana
      Infelizmente nao sei te responder.
      Bjs e boa viagem!

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *