Vladimir e Suzdal

Vladimir e Suzdal sao duas cidades muito proximas que ainda conservam “joias” da arquitetura em pedra branca do periodo pré-mongolico (por volta do seculo XII), que foram incluidos no rol da Unesco como Patrimonio da Humanidade.

Vladimir nao tem muita graça, mas vale reservar uma tarde para visitar a Catedral da Assunçao, de 1158, e a Catedral de Sao Demetrio, de 1194. A Catedral da Assunçao, segundo o guia, é a maior catedral da Russia dessa época e custou um décimo de todo o patrimonio de seu fundador, o principe Andrei,  e dentro é possivel admirar afrescos do seculo XII. 

Mas eu achei imperdivel mesmo a Catedral de Sao Demetrio. Localizada bem perto da Catedral da Assunçao, a de Sao Demetrio nao chama tanto a atençao dos turistas, talvez porque seja menorzinha, sem aquela imponencia toda da primeira e dentro nao tem absolutamente nada (quer dizer, tem fragmentos de um afresco do seculo XII, mas nada de impressionante), pois a atraçao maior é do lado de fora!

As esculturas feitas em pedra na fachada sao de babar! Vale a pena observar os detalhes com atençao. Sao figuras de profetas biblicos junto com principes, personagens mitologicos, vegetais, animais, passaros, que representam,  segundo o guia, o “poder sobre todo o universo”.

O nosso giro pelo Anel de Ouro terminou com Suzdal, considerada a cidade mais bonita da regiao e, pelo que pude perceber nas minhas pesquisas interneticas, também està se tornando uma cidade da moda… Todo mundo que vai a Moscou dà uma esticadinha até là…

Suzdal é mesmo a cidade mais bonita do Anel de Ouro! Uma cidadezinha tirada de um conto de fadas que parece que parou no tempo. Cupolas por todo lado e um ritmo devagar, quase parando… O legal da cidade é “absorver” esse ritmo  e andar sem rumo e sem horarios, simplesmente seguindo as cupolas do Kremlin e dos varios mosteiros e conventos que existem ali…

Um dos lugares que gostei bastante de ter visitado foi o Convento da Intercessao, fundado em 1364 como lugar de exilio para as esposas repudiadas pelo czar. Quando visito esses lugares, acho complicado separar historia de fofoca, mas dizem as màs linguas, que a primeira mulher do czar Vassily III foi mandada para esse convento por causa da sua infertilidade.

Mas quando foi enviada para o convento ela jà estava gravida e escondeu o filho de todo mundo, com medo de que ele fosse considerado um perigoso rival para o filho da segunda mulher do czar. Dizem que foi uma escolha acertada, pois o tal filho da segunda mulher do czar foi Ivan, o Terrivel…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

8 thoughts on “Vladimir e Suzdal

  • 21/10/2008 at 22:21
    Permalink

    Oi, Luisa quantos dias vocês estiveram na Russia? porque vi no “organizando” que a viagem incluiu Letônia e Alemanha.

    Impressionante mesmo o exterior desta igreja!!!
    Beijos

    Reply
  • 22/10/2008 at 12:07
    Permalink

    Oi Patricia,

    A viagem toda foi de 28 dias, passamos o primeiro final de semana em Riga e o ultimo em Berlim, jà que nao existem voos economicos diretos de Milao para a Russia.

    Na Russia foram uns 24 dias cheios e deu pra fazer tudo com calma… Sò em Moscou que fiquei 3 dias e gostaria de ter ficado mais.

    Bjs

    Reply
  • 24/10/2008 at 18:49
    Permalink

    Obrigada Luisa, o foco principal era Rússia! ok!
    Também te escrevo porque agora tenho o domínio de Turomaquia, que ficou assim:
    http://www.turomaquia.com
    Beijos

    Reply
  • 27/10/2008 at 11:41
    Permalink

    Oi Patricia!

    Que noticia boa! Parabens pela aquisiçao do dominio, vou atualizar no blogroll.

    Bjs

    Reply
  • 04/11/2008 at 23:46
    Permalink

    Que legal… menina só de ler esses posts e pensar que era para eu estar com a minha mochila pelo mundo, começo me arrepender de ter decidido a comprar a casa ao invés de viajar (risos!)… nem falo isso para o Kiko não ouvir ehehehe…
    bjs

    Reply
  • 06/11/2008 at 12:21
    Permalink

    Oi Mi

    Cada coisa tem seu tempo, e vc jà rodou muito pelo mundo!
    Além disso, quem disse que ter uma casa impede alguem de viajar? Talvez diminua um pouco o ritmo e encurte as distancias, mas tenho certeza de que uma pessoa com vc, com ou sem casa, com ou sem filhos, nao vai sossegar! 🙂

    Bjs

    Reply
  • 04/02/2009 at 08:48
    Permalink

    «Суздаль – это неповторимые колокольные звоны, тишь монастырей, очищающая душу, укрепляющая веру. Каждому из нас открыта эта дорога».

    Суздаль – это звезда первой величины в созвездии древних городов Золотого кольца России. Это целый мир воспоминаний, выдающихся памятников архитектуры, богатейших музеев. Суздаль – сердце России, заповедная страна прошлого, встреча с которой обещает каждому путешественнику незабываемые впечатления и открытия.
    Суздальский туристический центр удачно вписан в ландшафт древнерусского города Суздаля – жемчужины маршрута «Золотое кольцо» России, который вот уже 30 лет неизменно притягивает к себе внимание гостей со всех уголков планеты.

    Reply
    • 04/02/2009 at 21:16
      Permalink

      Segundo o freetranslation.com, o que está escrito no comentário do Andrey é isso: 🙂

      “Suzdal are unique peals, the calm of monasteries clearing to a shower, strengthening belief. To each of us this road ” is opened.

      Suzdal is a star of the first size in constellation of ancient cities of the Gold ring of Russia. It is the whole world of the memoirs, outstanding monuments of architecture, the richest museums. Suzdal – heart of Russia, заповедная the country of the past, a meeting with which promises each traveller unforgettable impressions and opening.
      The Suzdal tourist center is successfully entered in a landscape of old russian city of Suzdal – pearls of a route ” the Gold ring ” Russia which here 30 years invariable draws to itself attention of visitors from all corners of a planet.

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *