Yanar Dag

A primeira vez que eu ouvi falar de um fogo eterno no meio do nada foi num post sobre o Turcomenistao no imprescindivel blog Gabriel Quer Viajar . Nao deu certo de irmos ao Turcomenistao (negaram o visto pro meu marido), mas aquele post nunca saiu da minha cabeça.

Quando eu estava lendo sobre o Azerbaijao, me deparo com um fenomeno muito parecido a 25km de Baku: meio do nada, subsolo rico de gas natural e fogo queimando. Como nao visitar nao è mesmo?

DSC04738

A diferença da porta do inferno turcomena,ninguem sabe nem como, nem quando e nem por que Yanar Dag começou a queimar. Diz a lenda que foi um pastor de ovelhas que viu pela primeira vez, nos anos 1950, as chamas de Yanar Dag, mas registros historicos mencionam que Marco Polo, em sua viagem a Baku no seculo XIII, jà havia observado essas chamas.

Yanar Dag è uma colina com uns 10 metros de extensao e è um lugar muito interessante, mas sò quando a gente olha alem do fogo num barranco e ve a força da natureza em forma de gas que queima desde sempre, que nao tem previsao de acabar e nunca se apaga, faça chuva ou faça sol. E deve ser impressionante ver o lugar de noite e com a neve.

DSC04735

Hoje, Yanar Dag è um lugar protegido, com estudos arqueologicos em andamento e nao tem vi nenhum tipo de infraestrutura para turistas. Nòs fomos a Yanar Dag com um guia e motorista, saimos de Baku logo depois do almoço, e em meia hora estavamos ali. A nossa visita nao durou mais que uns 15 minutos e jà seguimos viagem para o templo de fogo de Ateshgah pra ficar sempre no tema.

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *